Topo

Entretenimento


Gilmar Mendes manifesta solidariedade a Fernanda Montenegro após ataques

Fernanda Montenegro recebe apoio de Gilmar Mender - Fernanda Montenegro | Foto: Divulgacao
Fernanda Montenegro recebe apoio de Gilmar Mender
Imagem: Fernanda Montenegro | Foto: Divulgacao

Do UOL, em São Paulo

25/09/2019 19h30

O ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes manifestou solidariedade à atriz Fernanda Montenegro, atacada pelo diretor do Centro de Artes Cênicas da Funarte, Roberto Alvim. Em uma publicação no Facebook, o dramaturgo usou palavras como "sórdida" para descrever a atriz de 89 anos.

No Twitter, hoje à noite, o ministro do STF reagiu. "Manifesto solidariedade à atriz Fernanda Montenegro. Sua produção artística é um dos maiores patrimônios da dramaturgia e do teatro nacionais. Os ataques à liberdade de expressão artística dirigidos à atriz são inaceitáveis em uma democracia aberta ao pluralismo cultural", pontuou.

O texto com os ataques disparados por Roberto Alvim surgiu em consequência da capa para a edição de outubro da revista literária Quatro cinco um, em que Fernanda Montenegro é retratada como uma bruxa sendo queimada em uma fogueira de livros.

"Um amigo meu, bem-intencionado, me perguntou hoje se não era hora de mudar de estratégia e chamar a classe artística pra dialogar. Não. Absolutamente não. Trata-se de uma guerra irrevogável. A foto da sórdida Fernanda Montenegro como bruxa sendo queimada em fogueira de livros, publicada hoje na capa de uma revista esquerdista, mostra muito bem a canalhice abissal destas pessoas, assim como demonstra a separação entre eles e o povo brasileiro", escreveu Alvim. (Veja o comentário, na íntegra, abaixo).

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), repudiou os ataques mais cedo durante coletiva de imprensa sobre o Festival Mário de Andrade - Virada do Livro. Covas classificou o texto como "desrespeitoso".

"Cada um tem sua visão de mundo, sua forma de se expressar e ninguém tem o direito de diminuir o outro porque pensa diferente. [O ataque] É um desrespeito com qualquer um e ainda maior quando você pega uma senhora, uma mulher de idade, atriz, que, acima de tudo, representa o país no mundo inteiro", declarou Covas.

Entretenimento