Topo

Música


"Como dói": famosos homenageiam e se despedem de Roberto Leal

Gugu e o cantor Roberto Leal, em foto postada pelo apresentador neste domingo - Reprodução/Instagram
Gugu e o cantor Roberto Leal, em foto postada pelo apresentador neste domingo Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

15/09/2019 13h21

Gugu Liberato, Fafá de Belém, Sonia Abrão e Mariana Godoy foram alguns dos famosos que lamentaram a morte do cantor Roberto Leal na madrugada deste domingo (15), aos 67 anos.

Gugu, um dos primeiros a falar sobre a perda, registrou o falecimento do "querido amigo" e mandou "sentimentos a toda a família" no Twitter e no Instagram, onde postou uma foto antiga de um encontro dos dois no palco do programa "Domingo Legal".

"Ai, como dói! Sem palavras", escreveu a apresentadora Sonia Abrão. A cantora Fafá de Belém disse, em entrevista a Globo News, que recebeu a notícia com tristeza, porque "ele trazia alegria". "É o embaixador da cultura popular portuguesa", comentou, emocionada. "Deixa uma lacuna imensa. Ele não não tinha vergonha nem pudor da sua origem. Falava diretamente com os imigrantes que saíram de Portugal em busca de melhores condições."

Ratinho lembrou uma participação recente em seu programa. "Roberto Leal esteve aqui no palco na última quarta-feira. Fiquemos com essa lembrança do cantor português muito amado pelo povo brasileiro", escreveu, na legenda do vídeo com a apresentação.

Mariana Godoy também homenageou o artista postando fotos de um encontro dos dois. "Foi um programa super divertido e a gente pisou as uvas para fazer vinho. Descanse em paz #RobertoLeal"

"Puxa, que pena!! Jovem ainda, um cara tão legal", comentou o cantor Roger Moreira. O apresentador Britto Jr. noticiou a morte e o chamou de "português bem brasileiro". Daniela Albuquerque, da ReveTV!, lamentou a morte do "amigo de alma". "Você sempre vai morar aqui no meu coração. Te amo pra sempre."

O apresentador do programa "Domingo Show", Geraldo Luís, publicou um longo texto em suas redes sociais para homenagear o cantor. "O Brasil perde um dos mais poetas portugueses que o Brasil amou. Eu perco um amigo de luz que a vida meu deu", escreveu na legenda das fotos. "Roberto lutou até o fim. Encarou sua doença como um guerreiro sem reclamar, seguiu com sua presença marcante por onde chegava."