Topo

Game of Thrones


Roteiristas quase pouparam personagem que morreu em batalha de "Game of Thrones"

O Rei da Noite (Vladimir
O Rei da Noite (Vladimir 'Furdo' Furdik) comanda o seu exército em "Game of Thrones" Imagem: Divulgação

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

23/05/2019 12h49

ATENÇÃO: Este texto contém spoilers de "Game of Thrones". Não leia se não quiser saber o que acontece.

O final de "Game of Thrones" poderia ter sido bem diferente para um personagem em específico: Jorah Mormont (Iain Glen), o eterno protetor de Daenerys Targaryen (Emilia Clarke). O roteirista Dave Hill confirmou ao site da Entertainment Weekly que a equipe da série quase desistiu de matar o cavaleiro.

Além da Muralha #6: O fim de "Game of Thrones" foi satisfatório?

UOL Entretenimento

Iain Glen como Jorah em "Game of Thrones" - Divulgação/IMDb
Iain Glen como Jorah em "Game of Thrones"
Imagem: Divulgação/IMDb

Na versão que vimos nas telas, Mormont morre nos momentos finais da Batalha de Winterfell, protegendo Daenerys do exército dos mortos do Rei da Noite. Embora o próprio Glen tenha dito que ficou "satisfeito" com a morte honrada do personagem, os roteiristas originalmente tinham outros planos.

"Por muito tempo, queríamos Jorah junto com Jon na muralha, no final da série", comentou. "Ele, Jon e Tormund seriam mostrados saindo do túnel, se embrenhando na floresta. No entanto, percebemos que teríamos que distorcer muito a lógica do personagem para Jorah sair do lado de Daenerys e ir parar lá".

"Não tinha como fazer isso do jeito certo. Decidimos que Jorah tinha que ter sua morte nobre, defendendo a mulher que ama. Era o que ele mais queria", completou.

Mais Game of Thrones