Topo

Game of Thrones


As questões que "Game of Thrones" precisa responder em seu final

Divulgação
Daenerys (Emilia Clarke) em cena do quinto episódio da oitava temporada de "Game of Thrones" Imagem: Divulgação

Beatriz Amendola

Do UOL, em São Paulo

2019-05-19T04:00:00

19/05/2019 04h00

"Game of Thrones" irá se despedir de vez do público neste domingo, e tem muito a responder em seu último episódio, que terá quase 1h20 de duração.

Quem vai sentar no Trono de Ferro? Quais serão os destinos de Daenerys e companhia? Separamos aqui as principais questões que devem ser resolvidas no final da produção, que vai ao ar às 22h, pela HBO.

O que será de Daenerys?

A Mãe dos Dragões fez a opção de governar pelo medo e destruiu Porto Real, matando muitos daqueles que seriam seus súditos no caminho - para o desgosto da maior parte de seus aliados, incluindo Jon Snow. O filho de Rhaegar e Lyanna pouco falou no penúltimo episódio, mas ficou mais do que claro que ele não aprovava os atos de sua amada. O que virá disso? Parece pouco provável que, a essa altura, Daenerys resolva mostrar remorso; a partir daí, só há dois caminhos possíveis: 1- Ela fará um governo brutal, o que não seria impossível no mundo de "Game of Thrones"; 2- Ela será morta, provavelmente por Jon Snow ou Arya, que viu de perto a carnificina na cidade e foi embora montada em um cavalo branco, no que muitos fãs estão interpretando como uma alegoria para a morte.

Tyrion será punido por libertar Jaime?

Daenerys bem avisou: se Tyrion falhasse com ela novamente, seria a última vez. E ele definitivamente cometeu traição ao libertar Jaime, na esperança de que ele e Cersei pudessem se salvar da batalha. Será que Daenerys o executará, ou o ato de sua Mão vai passar despercebido em meio ao caos que tomou conta de Porto Real após a batalha?

Aliás, Jaime e Cersei morreram mesmo?

Os dois foram vistos pela última vez sendo soterrados pelas ruínas da Fortaleza Vermelha e, ao que tudo indica, foram mesmo dessa para melhor. Uma teoria que começou a circular nos últimos dias, porém, acredita que o cavaleiro possa aparecer vivo - principalmente porque seu intérprete, Nikolaj Coster-Waldau, ainda não se manifestou publicamente sobre seu desfecho. É pouco provável, mas de "Game of Thrones" podemos esperar tudo.

Arya usará o rosto de alguém de novo?

A sétima temporada, em 2017, começou com Arya usando as habilidades que adquiriu em seu tempo com os Homens sem Face para se vingar de Walder Frey. Agora que o fim da série é iminente, será que a veremos usando o rosto de outra pessoa? Já há fãs especulando que ela possa assumir a identidade de Verme Cinzento para se aproximar de Daenerys e, assim, matá-la.

Quem vai ficar com o Trono de Ferro?

Essa é a questão que move "Game of Thrones" desde seu início. Daenerys, que despontava como a favorita, parece fadada a ter um reinado muito curto. Jon Snow é considerado por muitos como um homem honrado e justo o suficiente para assumir o posto de rei dos Sete Reinos, além de ser o legítimo herdeiro - mas já deixou bem claro que não tem interesse algum no trono. A situação poderia favorecer até Sansa, que já provou ser uma boa líder, ou Tyrion, caso ele escape da fúria da Mãe dos Dragões. Ou a série pode acabar sem ninguém no trono, e com um novo sistema de governo nos Sete Reinos.

Os White Walkers acabaram mesmo?

"The Long Night", terceiro episódio da oitava temporada, pôs fim à guerra contra os White Walkers e seu exército de mortos quando Arya atacou o temido Rei da Noite. A resolução, no entanto, pareceu muito fácil para boa parte dos fãs, e os showrunners David Benioff e D.B. Weiss colocaram lenha na fogueira dizendo, em uma entrevista, que não confirmariam se era mesmo o fim das criaturas mágicas.

Por fim: quem diabos é o "príncipe de Dorne"?

Varys mencionou casualmente que um príncipe de Dorne havia prometido apoio a Daenerys, mas não fazemos ideia de quem ele seja -- e, infelizmente, não tem como Oberyn voltar dos mortos. Será que esse novo príncipe aparecerá no último episódio?

Mais Game of Thrones