Topo

Disco dos Beatles "no açougue" é vendido por quase R$ 1 milhão na Inglaterra

The Beatles Story/Reprodução
Fotos do álbum "Yesterday and Today" autografado Imagem: The Beatles Story/Reprodução

Leonardo Rodrigues

Do UOL, em São Paulo

2019-05-10T14:32:10

10/05/2019 14h32

Uma cópia de um LP dos Beatles autografado, que pertenceu a John Lennon e gerou polêmica nos anos 1960, foi vendido em um leilão por 179,2 mil libras, equivalente a cerca de R$ 924,6 mil, terceiro maior valor desembolsado por um disco na história.

E por que ele vale tanto? Basicamente por ter pertencido ao beatle, por contar com assinaturas dos integrantes e por se tratar de "Yesterday and Today" (1966), álbum cuja capa traz o grupo coberto de carne crua e com bonecas decapitadas.

O disco foi lançado apenas nos Estados Unidos e Canadá, e a imagem, uma suposta crítica à Guerra do Vietnã, precisou ser substituída por outra com John, Paul, George e Ringo posando em volta de um baú, o que o tornou item concorrido entre colecionadores.

Reprodução
Capa original de "Yesterday and Today" Imagem: Reprodução

A cópia do LP, o único dos Beatles que fez a gravadora Capitol perder dinheiro, foi vendida no The Beatles Story Museum, em Liverpool, cidade natal da banda, Liverpool, e o rico felizardo é um colecionador americano anônimo.

Em comunicado, um porta-voz da casa de leilões Julien's Auctions informou que a pessoa "comprou o disco pelo valor recorde como um investimento, acreditando que aumentará nos próximos anos".

O "disco do açougue" traz as assinaturas de Paul, John e Ringo e, na parte de trás, um esboço de um desenho feito por Lennon com um homem segurando uma pá ao lado de um cachorro, à frente de um sol poente.

Os dois primeiros discos na lista dos mais valiosos de todos os tempos são uma cópia do "White Album" (US$ 790 mil, arrematado em 2015), dos Beatles, que pertenceu a Ringo Starr, e "My Happiness", single da primeira música registrada por Elvis Presley em estúdio (US$ 300 mil).

Mais Rock