PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Sharon Stone exibe seios na capa da Vogue e diz que não era considerada atraente

Sharon Stone na capa da Vogue Portugal - Divulgação
Sharon Stone na capa da Vogue Portugal Imagem: Divulgação

Renata Nogueira

Do UOL, em São Paulo

04/05/2019 12h48

Considerada um dos grandes símbolos sexuais do cinema por sua cruzada de pernas em "Instinto Selvagem", de 1992, Sharon Stone revelou à Vogue de Portugal que não era considerada atraente pelos diretores no início de sua carreira, no começo dos anos 80.

A atriz de 61 anos fez essa e outras revelações para a revista, na qual posou com os seios de fora em uma das capas alternativas.

"Quando comecei nesta indústria, o termo 'transável' era usado pelos executivos para ver se tinha perfil para conseguir um papel. Os executivos do estúdio sentavam-se à volta de uma mesa e discutiam se cada uma de nós era de facto 'transável'. Eles achavam que eu não era", contou.

Sharon Stone - Divulgação - Divulgação
Sharon Stone na famosa cena de "Instinto Selvagem" (1992)
Imagem: Divulgação

Sharon Stone ainda falou sobre como, até hoje, as mulheres não são devidamente representadas nos filmes. Isso porque os homens ainda estão no comando da indústria.

"Negligenciar mulheres? Sim, sem dúvida. E as mulheres não estão, francamente, a ser representadas como são na realidade. A maioria dos filmes é escrita por homens, realizada por homens, criada por homens, com a mentalidade masculina. Nunca considerando como é que as mulheres são na verdade, como pensamos e nos sentimos. É por isso que muitas das minhas personagens são bêbadas ou drogadas ou loucas, é a única maneira que tenho de tolerar o seu comportamento, honestamente."

A atriz, que tem entre seus últimos trabalhos as séries "The New Pope" e "Ratched" ainda falou que vê mais futuro na televisão do que nos filmes. "Filmes, bons filmes é uma arte moribunda. A televisão tem mais oportunidades de qualidade hoje em dia."

A entrevista completa está disponível na edição impressa da Vogue Portugal.

Entretenimento