PUBLICIDADE
Topo

"Game of Thrones": Entenda por que os episódios da última temporada são tão escuros

Cenas do terceiro episódio da oitava temporada de "Game of Thrones" - Divulgação/HBO
Cenas do terceiro episódio da oitava temporada de "Game of Thrones" Imagem: Divulgação/HBO

Leonardo Rodrigues

Do UOL, em São Paulo

29/04/2019 20h45

Os episódios da oitava temporada de "Game of Thrones" estão irritando parte dos fãs por um problema que vem ficando cada vez mais claro. Algumas cenas, como as da épica batalha de Winterfell, têm sido editadas demasiadamente escuras, prejudicando o entendimento do que se passa na tela e da própria história.

O problema vem tornando flagrante nos últimos episódios, e muitos seguidores passaram a criticar os criadores da saga, a HBO e aos diretores, especialmente Miguel Sapochnik, que conduziu "A Longa Noite", exibido no fim de semana. O que estaria acontecendo com a fotografia de "GoT"?

Caso você goste ou não da escuridão da série, o fato é que os próprios produtores já haviam dado a deixa para a tendência. Em entrevista de 2017, o diretor de fotografia Robert McLachla, que trabalhou em "As Chuvas de Castamere", afirmou que o problema, na verdade, está no avesso. As primeiras temporadas teriam sido filmadas com luz artificial excessiva.

"Se você assistir a primeira temporada de novo, perceberá muita luz de fundo desnecessária. Mesmo nas filmagens a céu aberto, você percebe a iluminação", disse ele à revista "Insider", afirmando que, atualmente, a ordem é adotar uma iluminação mais próxima da realidade, mais "naturalista".

"Os cineastas que trabalharam na fotografia desde então estão tentando fazer da forma mais natural possível. Para fazer com que cenários e locações pareçam não estar absolutamente iluminados por nós, mas apenas pela natureza ou por algumas velas, que são reforçadas em alguns casos."

Pelo tom das entrevistas, ao que tudo indica, a escuridão que tanto incomodou fãs, que também reclamaram do efeito "pixelizado" da imagem, é deliberada e vai além das metáforas do episódio "A Longa Noite". O trabalho nesse episódio ficou por conta do diretor de fotografia Fabian Wagner, que foi escolhido pelo diretor Miguel Sapochnik.

"Queria evoluir a narrativa da luz com a narrativa dos personagens", brincou Wagner em entrevista recente à revista Vanity Fair. Ou seja, muito provavelmente, mesmo em episódios que se passam durante o dia, os telespectadores terão de se acostumar com a escuridão até o fim.

O quarto episódio da oitava e última temporada de "Game of Thrones" vai ao ar no próximo domingo (5/5), às 22h, na HBO.

Além da Muralha #3: Batalha surpreendeu e agora não sabemos o que esperar

UOL Entretenimento