Topo

Vingadores


Fãs fizeram Viúva Negra deixar de ser "secretária sexy", diz Scarlett Johansson

Alberto E. Rodriguez/Getty Images for Disney
Scarlett Johansson na coletiva de imprensa de "Vingadores: Ultimato", em Los Angeles Imagem: Alberto E. Rodriguez/Getty Images for Disney

Beatriz Amendola

Do UOL, em Los Angeles*

2019-04-08T04:00:00

08/04/2019 04h00

Natasha Romanoff, a Viúva Negra, mudou muito desde que fez sua estreia nos filmes da Marvel com "Homem de Ferro 2". A personagem se tornou parte integral dos Vingadores e está prestes a, finalmente, ganhar seu filme solo, que deve começar a ser rodado em junho.

A evolução foi mais do que aprovada por sua intérprete, Scarlett Johansson. "Ela começou como uma secretária sexy com habilidades especiais", definiu a atriz, ontem, durante um evento em Los Angeles para promover "Vingadores: Ultimato". "Quando a vimos em seguida, em 'Os Vingadores', ela já era um dos caras, para o bem e para o mal, e isso fazia sentido na época [2012]".

Para Scarlett, foram os pedidos do público por maior representatividade que deram um empurrão para a personagem - e os filmes da Marvel - evoluir.

"Acho que os fãs e o público fizeram a Marvel e todos os estúdios e cineastas colocarem na tela aquilo que representa o zeitgeist. Eles queriam ver filmes e elencos diversos, que representassem suas aspirações e como eles se sentiam. A personagem cresceu em reação a isso, e os filmes também cresceram, com o encorajamento dos fãs".

Divulgação
A Viúva Negra de Scarlett Johansson Imagem: Divulgação

No último ano, vale lembrar, a Marvel fez história com seus primeiros filmes estrelados por um herói negro ("Pantera Negra") e por uma mulher ("Capitã Marvel"). Ambos arrecadaram mais de US$ 1 bilhão nas bilheterias internacionais.

Scarlett ainda comemorou a chegada de mais mulheres ao universo cinematográfico da editora. "Honestamente, lembro quando Lizzie [Elizabeth Olsen, a Feiticeira Escarlate] entrou, Colbie [Smulders, a agente Maria Hill] já estava lá e nós nos apoiávamos uma nas outras. Fiquei nesse ambiente cheio de testosterona por tanto tempo, era legal ter outras mulheres no elenco. E depois vieram a Brie [Larson, Capitã Marvel], a Karen [Gillan, Nebulosa], a Danai [Gurira, Okoye]..."

Ao fim, a atriz deixou um elogio a todos os colegas de elenco e refletiu sobre o caminho que se encerrará com "Ultimato". "Sinto que estou entre atores fortes, maravilhosos. Nunca imaginei onde isso iria nos levar. Foi uma jornada e tanto".

"Vingadores: Ultimato" estreia no dia 25 de abril.

*A jornalista viajou a convite da Disney

Mais Vingadores