Topo

Terror

Tudo o que você precisa saber sobre filmes, séries e livros de horror


Terminar "Supernatural" foi uma "decisão comunitária", definem astros

Misha Collins, Jensen Ackles e Jared Padalecki em "Supernatural" - Divulgação/IMDb
Misha Collins, Jensen Ackles e Jared Padalecki em "Supernatural" Imagem: Divulgação/IMDb

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

01/04/2019 15h21

Nem o estúdio nem a emissora de "Supernatural" tiveram a última palavra na hora de determinar que a série iria acabar na 15ª temporada. Segundo Jensen Ackles e Jared Padalecki, astros da produção, o fim da série foi uma "decisão comunitária".

A dupla compareceu ontem a uma convenção em Las Vegas, onde puderam conversar com os fãs sobre o fim de "Supernatural". Padalecki, que vive Sam na série, foi quem garantiu que o canal norte-americano CW não foi responsável pelo cancelamento.

"Não foi uma decisão fácil", adicionou Ackles, que vive Dean. "Passamos meses, senão anos, discutindo sobre isso. Nós dois, o resto do elenco, a equipe, os roteiristas, os produtores, o estúdio, a emissora. Ninguém queria que esta série acabasse mal".

"Todo mundo estava tentando achar o momento certo para 'Supernatural' terminar forte. Por muito tempo, parecia que a série estava prestes a acabar, então apenas decidimos tirar a tinta do armário e desenhar a linha de chegada", completou.

Mais Terror