PUBLICIDADE
Topo

Cantor country morre após disparo acidental de arma usada em seu clipe

O cantor Justin Carter - Reprodução
O cantor Justin Carter Imagem: Reprodução

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

21/03/2019 17h26

O cantor norte-americano Justin Carter morreu aos 35 anos após um disparo acidental. Segundo a ABC7, a arma estava sendo usada como acessório na gravação de um clipe do músico. Seu empresário confirmou a informação.

"Justin tinha potencial, em nossos olhos e para muitas pessoas, para ser o próximo Garth Brooks", disse Mark Atherton, da empresa Triple Threat Management, que não deu mais detalhes sobre a morte do cantor.

"A música era o seu mundo", disse a mãe de Justin, Cindy McCellan. "Ele sempre estava lá [para ajudar] qualquer um".

"Por favor, mantenha a família de Justin em suas orações e dê a eles privacidade neste momento difícil. Justin não está mais conosco, ele foi embora. Ele fará falta para todos nós, sempre foi cheio de alegria, risos e amado por tantas pessoas em sua vida", informou a conta do cantor no Instagram.

Justin ainda estava no início da carreira dentro da música country, um dos gêneros mais populares nos Estados Unidos. Com uma voz grossa, lembrando Garth Brooks, um dos principais nomes do estilo, o cantor apostava em músicas românticas e que falavam sobre a vida no interior.