PUBLICIDADE
Topo

Sandy e Junior: Procon notifica Ingresso Rápido para não cobrar taxa de conveniência

Sandy e Junior reuniram a imprensa hoje, no Allianz Parque, em São Paulo, para anunciar a turnê de reunião Nossa História - Mariana Pekin/UOL
Sandy e Junior reuniram a imprensa hoje, no Allianz Parque, em São Paulo, para anunciar a turnê de reunião Nossa História Imagem: Mariana Pekin/UOL

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

20/03/2019 17h12

A Fundação Procon-SP notificou a Ingresso Rápido para saber se a empresa está cobrando taxa de conveniência na venda dos ingressos da turnê de Sandy e Junior.

A pré-venda para os shows teve início hoje para portadores do cartão Elo e a empresa chegou a cobrar a taxa extra pela internet. Na sexta-feira, dia 22, a abertura das vendas para o público geral começa a partir da 0h01 no site da Ingresso Rápido e a partir das 10h nas bilheterias físicas.

"A empresa deverá esclarecer se está cobrando taxa de conveniência; e, em caso positivo, que suspenda tal cobrança", declarou o Procon em comunicado. "O Procon-SP orienta os consumidores que tiverem feito o pagamento da taxa de conveniência a guardar o respectivo comprovante."

A fundação ainda vai pedir para a empresa que informe a quantidade de ingressos disponíveis para venda, número de meias-entradas e que deixe claro o limite de compras de ingressos para cada consumidor.

O órgão estadual ainda vai fiscalizar se a Ingresso Rápido tomará as providências necessárias para a venda presencial e se vai garantir acessibilidade para o dia da apresentação.

A empresa tem 24 horas para responder.

Sandy e Junior se apresentam em dez capitais entre julho e setembro. Os shows acontecem em Recife (12/7), Salvador (13/7), Fortaleza (19/7), Brasília (20/7), Rio de Janeiro (3/8), Belo Horizonte (17/8), São Paulo (24/8), Curitiba (31/8), Manaus (13/9) e Belém (14/9).