PUBLICIDADE
Topo

"Grey's Anatomy" revela pai de DeLuca em episódio que quebrou recorde de "ER"

Lorenzo Caccialanza nos bastidores de "Grey"s Anatomy" - Divulgação/ABC
Lorenzo Caccialanza nos bastidores de "Grey's Anatomy" Imagem: Divulgação/ABC

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

01/03/2019 11h18

"Grey's Anatomy" guardou para o episódio de ontem, que marca um recorde importante para a série, a revelação do pai do Dr. Andrew DeLuca (Giacomo Gianniotti), um dos personagens principais do elenco.

O capítulo, intitulado "We Didn't Start the Fire", marca o 332º da série. Com este número, "Grey's Anatomy" se torna a série médica mais longínqua da história da TV, ultrapassando a marca de "ER - Plantão Médico", que ficou no ar entre 1994 e 2009, e exibiu 331 episódios.

O ator Lorenzo Caccialanza ("Duro de Matar") fez sua primeira aparição como Vincenzo DeLuca na série, e deve retornar para vários outros episódios durante a 15ª temporada. 

Jennifer Grey ("Dirty Dancing - Ritmo Quente") também apareceu no episódio, interpretando Carol Dickinson. "Grey's Anatomy" também recebeu de volta o ator Jason George, que recentemente fez a transição da série médica para o spin-off "Station 19".

O Dr. Ben Warren de George é um dos convidados de uma festa que acaba dando muito errado. Organizada por Jackson (Jesse Williams), a ocasião serviu para marcar a recuperação de Catherine (Debbie Allen) de sua cirurgia.