PUBLICIDADE
Topo

Andy Anderson, ex-baterista do The Cure e de Iggy Pop, morre aos 68 anos

The Cure com o baterista Andy Anderson (segundo da direita para a esquerda) - Reprodução
The Cure com o baterista Andy Anderson (segundo da direita para a esquerda) Imagem: Reprodução

Leonardo Rodrigues

Do UOL, em São Paulo

26/02/2019 21h56

Andy Anderson, baterista de estúdio que acompanhou diversas bandas e artistas, incluindo The Cure e Iggy Pop, morreu aos 68 anos, nove dias após assumir publicamente estar sofrendo de um câncer terminal, que se espalhou por vários órgãos. O tecladista Lol Tolhurst, um dos fundadores do Cure, confirmou a notícia nas redes sociais.

"Andy Anderson era um verdadeiro cavalheiro e um grande músico com um senso de humor que ele manteve até o fim, um testemunho de seu belo espírito em sua última jornada. Somos abençoados por tê-lo conhecido."

"Olá pessoal, estou com câncer terminal em estágio 4, e não há como reverter isso. Ele está tomando toda a parte interna do meu corpo e estou totalmente bem e consciente da minha situação", afirmou ele, em um post no fim de semana. Anderson já vinha dando atualizações quanto à doença, mas esta foi a mais drástica. Ele não revelou como a doença começou. "Eu optei por não ser reanimado, não quero viver como um vegetal. Não gostaria de deixar este fardo para ninguém. Quimioterapia e radioterapia foram debatidas para os próximos dias, então espero voltar para cá em alguns dias para novidades. Por favor, só positividade, para mim isso é apenas mais uma experiência de vida", postou An... - Veja mais em https://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2019/02/21/baterista-andy-anderson-ex-the-cure-e-iggy-pop-revela-ter-cancer-terminal.htm?cmpid=copiaecola

Natural de West Ham, na região metropolitana de Londres, Andy Anderson começou a se destacar na música nos anos 1970, na cena do rock progressivo britânico. Na época, ele chegou a integrar o grupo Sphynx and Inner City Unit e a banda do guitarrista Steve Hillage.

O baterista Andy Anderson - Reprodução/Facebook - Reprodução/Facebook
O baterista Andy Anderson
Imagem: Reprodução/Facebook

Técnico e eclético, ele entrou no The Cure em 1983, quando Lol Tolhurst decidiu trocar a bateria pelo teclado, sendo creditado em álbuns como "Japanese Whispers" (1983), "The Top" (1984) e "Concert" (1984). O músico deixou a banda em meados dos anos 1980.

Ao longo das décadas, Anderson colaborou ativamente nas cenas do rock, punk e pós-punk do Reino Unido, acompanhando nomes importantes como Iggy Pop, The Glove, Glen Matlock (Sex Pistols) e Mike Oldfield, entre vários outros.