PUBLICIDADE
Topo

Anitta nega que participará de festival na fronteira da Venezuela

Imagens nas redes sociais mostravam Anitta no line-up de festival - Bruna Prado/UOL
Imagens nas redes sociais mostravam Anitta no line-up de festival Imagem: Bruna Prado/UOL

Osmar Portilho

Do UOL, em São Paulo

15/02/2019 16h02

Richard Branson anunciou que estaria planejando um festival na fronteira da Venezuela para pressionar o presidente Nicolas Maduro a aceitar que ajuda humanitária entre na Venezuela. Nas redes sociais, imagens mostravam o suposto line-up com Anitta entre as atrações. Procurada pelo UOL, a assessoria da cantora negou que ela vá participar do evento.

Segundo vídeo postado no Twitter, o show acontecerá no dia 22 de fevereiro em Cúcuta, na Colômbia.

"A Venezuela está sofrendo e já foi um dos países mais ricos da América do Sul. E agora está enfrentando a pior crise humanitária do hemisfério sul. Não há comida, o sistema de saúde está desmoronando e milhões estão sentindo esse impacto, muitos são crianças e idosos", diz o empresário no vídeo divulgado nas redes sociais. "Queremos chamar atenção global para levantar fundos essa inaceitável crise".

"Temos que superar esse impasse ou muitos venezuelanos estarão próximos da morte. Nossa meta é levantar US$ 100 milhões em 60 dias e abrir a fronteira venezuelana para conseguir chegarmos naqueles que mais precisam", afirmou.

É justamente em Cúcuta, na fronteira entre Colômbia e Venezuela, que os Estados Unidos estão armazenando comida e remédios na esperança de fazer pressão para a Nicolas Maduro ceda e aceite ajuda estrangeira.

A fronteira entre os dois países tem uma ponte bloqueada e meio à disputa entre o governo de Nicolás Maduro e o opositor Juan Guaidó, que chegou a se autoproclamar presidente do país.

A intensa crise tem feito forçado milhares de venezuelanos a abandonarem o país. Segundo a AFP, em 2018, cerca de 22 mil cidadãos pediram proteção internacional para a União Europeia, o dobro do ano anterior. Antes de 2014, este número girava em torno de 100 solicitações anuais.