PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Rose McGowan diz que foi mal interpretada sobre #MeToo; revista se desculpa

A atriz Rose McGowan discursa em festival de cinema em Los Angeles, em abril de 2017 - Matt Winkelmeyer/Getty Images for TCM
A atriz Rose McGowan discursa em festival de cinema em Los Angeles, em abril de 2017 Imagem: Matt Winkelmeyer/Getty Images for TCM

Renata Nogueira

Do UOL, em São Paulo

08/10/2018 18h09

Parece que Rose McGowan foi mal interpretada em suas declarações sobre os movimentos que surgiram depois da onda de denúncias de assédio sexual na indústria do entretenimento.

A atriz foi ao Twitter nesta segunda-feira (8) esclarecer que - quando falou sobre mentiras e hipocrisia - se referia à Hollywood, e não ao movimento #MeToo.

"Eu nunca disse que o #MeToo é uma mentira. Nunca. Eu estava falando sobre Hollywood e o movimento Time's Up. Ugh. Estou de saco cheio desse sensacionalismo. #MeToo representa os sobreviventes e suas experiências, e isso nunca pode ser tirado deles", esclareceu a atriz.

Para reforçar a declaração, Rose ainda publicou o trecho exato da transcrição da entrevista e mostrou que o entrevistador interpretou a resposta dela erroneamente, acrescentando o termo #MeToo entre colchetes. Ela ainda publicou o tuíte com o pedido de desculpas da revista do "Sunday Times".

Rose McGowan é uma das atrizes que foi abusada por Harvey Weinstein e também uma das primeiras mulheres a denunciar o magnata da indústria, sendo desde então um dos rostos e uma das vozes do movimento #MeToo.

Entretenimento