Topo

Oscar


Academia decide adiar categoria de filme popular no Oscar

Estatuetas do Oscar nos bastidores da premiação - Christopher Polk/Getty Images
Estatuetas do Oscar nos bastidores da premiação Imagem: Christopher Polk/Getty Images

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

06/09/2018 15h16

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas resolveu adiar a introdução da nova categoria do Oscar, dedicada a premiar o melhor "filme popular" do ano, anunciada no mês passado. A informação é do "The Hollywood Reporter".

A Academia originalmente pretendia introduzir o prêmio no Oscar 2019, que ocorrerá no próximo dia 24 de fevereiro. Em comunicado oficial, Dawn Hudson, CEO da instituição, admitiu que a recepção controversa do anúncio original fez a Academia repensar a decisão.

"Houve um leque muito grande de reações à introdução desse novo prêmio, e reconhecemos que existe a necessidade de discuti-lo melhor entre os nossos membros", comentou. "Fizemos muitas mudanças no Oscar durante os anos, e vamos continuar evoluindo, embora respeitando o incrível legado dos últimos 90 anos".

O anúncio feito pela Academia no mês passado não estabelecia os critérios pelos quais um longa seria selecionado para a categoria de "filme popular". Com a temporada de premiações se alinhando, e muitos filmes sendo introduzidos em festivais em Veneza, Telluride e Toronto, as questões sobre a nova categoria estavam começando a incomodar.

Muitos leram a decisão da Academia de incluir a categoria de "filme popular" como uma tentativa desesperada de aumentar os números de audiência da cerimônia, que andam em queda - especialmente porque o anúncio foi feito junto com a decisão de encurtar a premiação televisionada, deixando algumas categorias para serem premiadas durante os intervalos.

Os indicados ao Oscar 2019 serão anunciados no dia 22 de janeiro.

Oscar mais curto

No anúncio feito anteriormente, a Academia já havia mostrado a intenção atacar outro alvo de críticas: a longa duração da cerimônia do Oscar. Comprometida a realizar uma premiação mais enxuta, a organização anunciou que ela terá apenas três horas. Para isso, alguns prêmios serão entregues durante os intervalos comerciais da transmissão televisiva, em momentos que serão editados e exibidos mais tarde. 

O Oscar 2020 também sofreu alterações, e irá acontecer antes do que o planejado. A premiação, agora, será no dia 9 de fevereiro de 2020, e não mais no dia 23 do mesmo mês. Isso não altera a data do evento em 2019, 24 de fevereiro. 

De acordo com o comunicado, as mudanças têm como objetivo "manter o Oscar e a Academia relevantes em um mundo em transformação".