PUBLICIDADE
Topo

Pastor acusado de tocar seio de Ariana Grande se desculpa: "Fui amigável demais"

A cantora Ariana Grande e o pastor Charles Ellis III durante o funeral de Aretha Franklin, em Detroit - Scott Olson/Getty Images
A cantora Ariana Grande e o pastor Charles Ellis III durante o funeral de Aretha Franklin, em Detroit Imagem: Scott Olson/Getty Images

Maurício Dehò

Do UOL, em São Paulo

01/09/2018 12h34

Ariana Grande passou por um momento delicado durante o funeral de Aretha Franklin nesta sexta-feira (31), ao ser tocada em um dos seios quando estava junta ao pastor Charles H. Ellis III. Neste sábado, ele se desculpou pelo ocorrido.

"Nunca seria minha intenção tocar no seio de qualquer mulher. Talvez eu tenha passado algum limite, tenha sido amigável ou familiar demais", afirmou Ellis III, à agência de notícias AP.

"Mas, novamente, eu me desculpo. 

A cantora havia acabado interpretar "(You Make Me Feel Like) A Natural Woman" em homenagem à rainha do soul, e ficou ao lado do pastor Charles H. Ellis III, no palco do grande evento, enquanto ele discursava.

Em vídeo que viralizou na internet, é possível perceber que o pastor segura com força o corpo de Ariana, logo abaixo do seio direto dela.

"Eu peço desculpas, porque preciso me atualizar. Minha filha de 28 anos diz que eu sou velho aos 60 anos. Quando vi Ariana Grande na programação, pensei que era algum prato novo do Taco Bell", brincou Charles, referindo-se a uma famosa rede de fast food nos Estados Unidos.

Mesmo com a cantora rindo em alguns momentos com as brincadeiras do pastor, fãs de Ariana apontaram que é visível o constrangimento dela enquanto Charles segura o seu corpo. A hashtag "#RespectAriana" - em alusão ao maior sucesso da carreira de Aretha Franklin - tem quase 15 mil comentários sobre o caso, a maioria apontando o visível desconforto da popstar.

"Isso não é certo, e nunca será. Ela está sendo tratada como um objeto e nem pode se defender, porque é um funeral. Estou, sinceramente, com nojo", escreveu uma mulher no Twitter. "Eu espero, do fundo do meu coração, que este homem não fique livre nesta história", concordou outra jovem.

Ariana Grande ainda não se manifestou sobre o caso.

Quem é Charles H. Ellis III

Charles H. Ellis III era um amigo de longa data de Aretha e passou as últimas semanas ao lado da consagrada cantora, que morreu em decorrência de um câncer pancreático no dia 16 de agosto.

"Nós tivemos grandes conversas sobre espiritualidade -- sobre a vida ser muito mais do que dinheiro, fama e notoriedade", disse o pastor para o "Detroit Free Pass" antes da cerimônia.

Charles cresceu com os filhos mais velhos de Aretha, Clarence e Eddie, frequentando até a mesma escola. O pastor ainda admitiu ao site que via Aretha mais como uma figura materna do que como a rainha do soul. "[O funeral] É muito emocionante para mim. Ao mesmo tempo, eu tenho trabalho a fazer. Então é a hora para ficar focado."

O pastor Charles Ellis III - Bill Pugliano/Getty Images - Bill Pugliano/Getty Images
O pastor Charles Ellis III (ao centro) posa entre o cantor Smokey Robinson (à esquerda) e o reverendo Robert Smith (à direita)
Imagem: Bill Pugliano/Getty Images

Entre os convidados da cerimônia estão o ex-presidente dos Estados Unidos Bill Clinton, o cantor Stevie Wonder, a atriz e apresentadora Oprah Winfrey, o astro do basquete LeBron James, o cantor Smokey Robinson e a atriz e cantora Jennifer Hudson.

"Eu acho que tenho o tipo de personalidade para fazer alguma justiça nesta cerimônia. Espero que sim. E eu espero que eu consiga [comandar o evento] sem virar uma distração ou atrapalhar o mote central. Acho que tem uma hora para chorar, uma hora para refletir, e outra para olhar para frente. E, espero, que a gente a consiga inserir cada um em seu devido lugar", disse o pastor algumas horas antes do início do funeral.

O funeral de Aretha Franklin foi realizado na mesma igreja onde foi velada a ativista Rosa Parks, a mulher que se negou a ceder seu lugar no ônibus e virou símbolo do movimento dos direitos civis dos negros nos Estados Unidos. A cerimônia foi fechada ao público, mas uma multidão de fãs se reuniu do lado de fora, muitos deles vestidos em seus melhores trajes de igreja.

Após a cerimônia, o corpo será sepultado no Cemitério de Woodlawn, o mesmo onde estão vários membros da família. Aretha Franklin será enterrada num caixão feito de bronze sólido e banhado a ouro de 24 quilates, segundo o jornal local "Detroit Free Press". Trata-se do mesmo estilo de caixão feito sob medida em que Michael Jackson e James Brown foram enterrados.