PUBLICIDADE
Topo

Ator fala de reboot de "Frasier" e critica televisão de hoje: "Uma porcaria"

Kelsey Grammer na série "Frasier" - Reprodução
Kelsey Grammer na série "Frasier" Imagem: Reprodução

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

02/08/2018 21h17

Kelsey Grammer exige que Frasier volte para as telonas com Niles (David Hyde  Pierce), Daphne (Jane Leeves) e Roz (Peri Gilpin) no possível reboot da amada série "Frasier".

"Eu deixei bem claro que se fosse de verdade, eu queria todos de volta para o jogo", disse o ator para o "The Wrap". O único de fora será John Mahoney, pai de Frasier e Niles na série, que morreu em fevereiro aos 77 anos.

"Nós conversamos com alguns roteiristas para trabalhar em uma ideia", definiu Grammer, que ainda revelou que "não quer voltar Seattle", cidade que virou símbolo da série.

Não seria a primeira vez que o personagem faz uma mudança drástica, já que ele foi introduzido originalmente em "Cheers" (1982-1993), outra sitcom clássica, que se passava na cidade de Boston.

Os boatos de que "Frasier" ganharia um reboot na televisão começaram no último mês, e Grammer afirmou ao site que realmente "houve algumas conversas com a CBS e a NBC". Caso realmente a série ganhe episódios inéditos, é mais uma prova de que a televisão está prestigiando revivals de sitcoms clássicos, como "Roseanne" e "Will & Grace".

Elenco de "Frasier" - Reprodução - Reprodução
Elenco de "Frasier"
Imagem: Reprodução

"[A volta das série] É porque a televisão é uma porcaria", analisou o ator sobre os programas atuais. "Não há nada para se comparar com o que tinha na era dourada".

Produzida logo depois do cancelamento da primeira, "Frasier" mostrava o bom doutor se mudando de volta para a sua cidade natal e reencontrando a família de quem havia se afastado muitos anos antes.

"Frasier" venceu cinco vezes consecutivas o Emmy de melhor série cômica, entre 1994 e 1998. Enquanto isso, Grammer colecionou quatro estatuetas de melhor ator em série cômica durante as 11 temporadas da série.