PUBLICIDADE
Topo

Acusada de racismo por Chance the Rapper, Heineken tira anúncio do ar

Chance the Rapper se apresenta no Lollapalooza Brasil 2018 - Mariana Pekin/UOL
Chance the Rapper se apresenta no Lollapalooza Brasil 2018 Imagem: Mariana Pekin/UOL

Do UOL, em São Paulo

27/03/2018 15h47

Atração do Lollapalooza Brasil 2018 no último fim de semana, o americano Chance The Rapper acusou duramente a fabricante de cervejas Heineken de ser "terrivelmente racista" em uma de suas campanhas publicitárias, o que levou a empresa a tirar do ar o anúncio.

Usando as redes sociais, o rapper frisou que o slogan da cerveja Heineken Light, “sometimes lighter is better", é ofensivo às pessoas negras. Em inglês, o termo "lighter" pode ser traduzido como “mais leve”, mas também como “mais claro”, o que pode levar ao entendimento de "às vezes, mais claro é melhor".

A propaganda ainda mostrava uma garrafa da cerveja passando por vários atores negros até terminar próxima a um grupo de pessoas brancas, momento em que o slogan aparece.

"Acho que algumas empresas estão propositadamente publicando anúncios racistas para que possam obter mais visualizações. E essa merda é racista/falsa. Então eu acho que eu não deveria ajudar postando sobre isso. Mas eu tenho que apenas dizer o seguinte: o comercial “às vezes, mais leve/claro da Heineken é terrivelmente racista. Meu Deus!", escreveu o músico nas redes sociais.

Apesar das críticas duras, Chance afirmou que não está sugerindo boicote ou ataque à marca, mas apenas apontando um problema maior. "Estou percebendo com que frequência isso acontece e acho que está atraindo consumidores, tuiteiros, freelancers e tal. Eu não queria tuitar sobre isso, mas como não tuitar?."

A resposta da Heineken

Segundo comunicado divulgado pela empresa holandesa, não houve qualquer intenção racista na campanha, que pretendia representar apenas que a Heineken Light possui só 99 calorias.

Segundo a fabricante, que afirmou ter um "positivo histórico de criação de marketing que mostra que existem mais coisas nos unindo do que nos dividindo", o feedback do artista é válido e será usado para influenciar futuras campanhas.