Topo

Oscar

TNT reprova comentários de Rubens Ewald Filho no Oscar; crítico se desculpa

Manuela Scarpa e Marcos Ribas/Photo Rio News
O crítico de cinema Rubens Ewald Filho Imagem: Manuela Scarpa e Marcos Ribas/Photo Rio News

Do UOL, em São Paulo

05/03/2018 20h24

A TNT, emissora que transmitiu ao vivo a cerimônia do Oscar no domingo, emitiu um comunicado nesta segunda-feira (5) após uma forte reação da internet a alguns comentários do crítico de cinema Rubens Ewald Filho, que participou da transmissão como comentarista.

"Essa moça na verdade é um rapaz", disse Ewald se referindo a atriz transexual Daniela Vega, que fez história ao ser a primeira trans a participar da cerimônia como apresentadora.

A chilena introduziu a performance de "Mistery of Love", trilha sonora do filme "Me Chame Pelo Seu Nome". Ela também é a protagonista de "Uma Mulher Fantástica", premiado como o melhor filme estrangeiro.

"A TNT repudia toda ação e/ou" manifestação preconceituosa de qualquer natureza [...] Alinhado a esse propósito, a direção da TNT já conversou com o comentarista Rubens Ewald Filho para evitar que episódios como os comentários feitos durante a transmissão do Oscar no último domingo se repitam", diz um trecho do comunicado divulgado nesta segunda-feira (5).

Antes, a emissora reagiu em tempo real em suas redes sociais. "Sim, a Daniela Vega é uma mulher. E que mulher", diz uma publicação no Twitter do canal pago feita durante a cerimônia, porém, sem citar o nome de Rubens.

Outro comentário de Rubens Ewald Filho que incomodou bastante quem acompanhava a cerimônia no domingo (4) foi sobre Frances McDormand, que levou para casa o Oscar de melhor atriz por seu papel em "Três Anúncios Para Um Crime" e fez o discurso mais comentado da noite.

"Eu acho interessante que essa senhora não é bonita, deu um show de bebedeira no Globo de Ouro e, de repente, o filme é um sucesso", disse o crítico de cinema na transmissão ao vivo do Oscar.

Procurado durante a tarde desta segunda-feira (5) pelo UOL, Rubens Ewald Filho não atendeu às ligações e preferiu se posicionar junto da emissora com a qual mantém uma parceria de vários anos.

"Rubens se desculpa pelos termos que possam ter ofendido ou provocado mal-estar. Em nenhum momento houve a intenção de endossar qualquer posicionamento preconceituoso", diz outro trecho do comunicado.

Na internet, muitas pessoas classificaram os comentários do crítico como misóginos, machistas e tranfóbicos. Alguns internautas chegaram a exigir o afastamento dele de futuras transmissões. Sobre isso, a emissora diz que tomará uma decisão "nas próximas semanas".

Leia o comunicado na íntegra:

"A TNT repudia toda ação e/ou manifestação preconceituosa de qualquer natureza. A marca valoriza, incentiva a respeita a inclusão, a diversidade em todas suas iniciativas para levar o melhor conteúdo e entretenimento para seus fãs.

Alinhado a esse propósito, a direção da TNT já conversou com o comentarista Rubens Ewald Filho para evitar que episódios como os comentários feitos durante a transmissão do Oscar no último domingo se repitam, e decidirá nas, próximas semanas, o futuro de sua participação nas transmissões e conteúdos digitais da marca.

Rubens Ewald Filho é um dos mais respeitados e conceituados críticos de cinema do país, e há anos leva informação, conhecimento e sua paixão na cobertura das premiações pela TNT. Rubens se desculpa pelos termos que possam ter ofendido ou provocado mal-estar. Em nenhum momento houve a intenção de endossar qualquer posicionamento preconceituoso."