Entretenimento

Michel Temer pede que novo ministro da Cultura ajude escolas de samba

Divulgação
Sergio Sá Leitão foi indicado pelo ministro Roberto Freire para a diretoria da Ancine Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

25/07/2017 11h58

O presidente Michel Temer deu posse, nesta terça-feira (25), ao novo ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, e em seu discurso pediu que ele ajudasse as escolas de samba. "O samba é cultura. Ajude-os. É preciso ajudá-los com o apoio do governo", disse Temer, que se reuniu nesta manhã com presidentes do Grupo Especial da Liesa (Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro).

"Carnaval faz parte da cultura e do turismo brasileiro", disse o presidente, fazendo referência ao imbróglio sobre o Carnaval 2017 do Rio de Janeiro. O novo ministro se encontrará às 15h com representantes das escolas de samba do Rio de Janeiro. 

As escolas de samba do Rio de Janeiro terão menos verbas públicas no carnaval de 2018, depois que o prefeito, Marcelo Crivella, anunciou corte de parte do orçamento destinado ao Carnaval de 2018. No ano passado, cada escola recebeu R$ 6 milhões entre subsídios e direitos de TV, tendo sido um terço desse valor concedido pela Prefeitura. Para 2018, cada agremiação contará com um orçamento de R$ 1,5 milhão para preparar seu desfile, conseguida por meio de patrocínio da iniciativa privada.

Em seu discurso, Sá Leitão disse que "a potência da cultura brasileira é incomparável e pode e deve ser incentivado pelo poder público". Ele também falou sobre leis de incentivo à cultura. "Não cabe ao estado produzir nem definir o que é cultura. A lei federal de incentivo à cultura representa apenas 0,66% da renúncia fiscal federal. Este setor retorna ao estado na forma de impostos bem mais do que o estado aporta nele por meio de incentivos". 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo