PUBLICIDADE
Topo

Vargas Llosa lança "O Herói Discreto", seu novo livro

Mario Vargas Llosa lança "O herói discreto" em Madri - EFE
Mario Vargas Llosa lança "O herói discreto" em Madri Imagem: EFE

Buenos Aires (Argentina)

13/09/2013 16h32

"O Herói Discreto", o último livro do Prêmio Nobel de Literatura peruano Mario Vargas Llosa, chegou esta semana às livrarias da América Latina e da Espanha.   

A novela é ambientada na cidade de Piura, no norte do Peru, onde Vargas Llosa entrelaça narrativas de crimes e romances, trágicos e cômicos, como é habitual nas obras do escritor.   

A obra foca nas histórias paralelas de dois personagens da cidade: Felicito Yanaque, um pequeno comerciante, e Ismael Carrera, importante empresário, dono de uma seguradora, que tem problemas com os filhos.   

Enquanto Yanaque tenta resistir a tentações, Ismael desafia todas as convenções de sua classe. Os dois personagens são, à sua maneira, discretos rebeldes que tentam tomar conta de seus próprios destinos.

Entrevista
Vargas Llosa comentou recentemente sobre seu novo romance. Para ele, "O Herói Discreto" reflete um Peru "muito diferente" dos romances anteriores e representa o retorno a cenários tão caros para ele como as cidades de Lima e Piura, onde viveu quando jovem.

"Se tornou uma cidade moderna, que cresceu muito e que vive uma prosperidade positiva, mas que também trouxe problemas de delinquência antes desconhecida" diz Vargas Llosa. Ou com outras palavras, as do sargento Lituma no romance: "Estas são as consequências do progresso".

No livro o escritor recupera antigos personagens como Lituma ("Lituma nos Andes"), e dom Rigoberto, dona Lucrecia e Fonchito ("Os cadernos de dom Rigoberto"), e evoca passagens de obras como a "A Casa Verde".

"É curioso. Com alguns personagens, quando começo pensar em trazê-los para uma história, se oferecem como se não tivessem sido aproveitados o bastante nas obras anteriores. Aqui, embora os personagens venham de mundos muito diferentes, seus destinos se unem misteriosamente, como acontece muitas vezes na vida".