PUBLICIDADE
Topo

"Le Grand Canal", de Monet, é arrematado por 31 milhões de euros

De Londres (Inglaterra)

03/02/2015 22h55Atualizada em 04/02/2015 10h44

O óleo sobre tela "Le Grand Canal" (1908), de Claude Monet, foi vendido por 31,25 milhões de euros (mais de R$ 96 milhões), no leilão promovido pela Sotheby's nesta terça-feira (3).

O quadro fez parte de um leilão dedicado aos impressionistas e à arte moderna, que incluiu obras de Pierre-Auguste Renoir e Henri Matisse, além de esculturas de Auguste Rodin.

A tela de Monet ficou oito anos exposta na National Gallery de Londres, informou a Sotheby's, acrescentando que os cinco quadros do pintor francês arrecadaram 73,6 milhões de euros.

Segundo tuíte publicado pela Sotheby's em sua conta no microblog, o leilão obteve 186,5 milhões de libras esterlinas (283 milhões de euros, ou quase R$ 770 milhões), o montante mais alto alcançado por uma venda desse tipo em Londres.