PUBLICIDADE
Topo

Com renda revertida para luta contra coronavírus, Showlivre estreia projeto

Chico Cesar fará o ShowlivrePlay - Divulgação
Chico Cesar fará o ShowlivrePlay Imagem: Divulgação
Adriana de Barros

Colunista de Música do UOL, onde atuou 20 anos na área de Entretenimento, com coordenação de coberturas em grandes festivais e do Carnaval. É curadora do edital 2020 Natura Musical e integrou o Superjúri 2019 do Prêmio Multishow. Eleita uma das cinco melhores jornalistas musicais do Brasil pelo WME Awards by Music2. Apresentadora do podcast Fala Zé na rádio Energia 97 ao lado de Zé Antônio Constantino e Hélio Cosmo Leite.

Colunista do UOL

30/03/2020 07h00

Um dos primeiros sites a transmitir música ao vivo pela internet, o Showlivre.com abre o mês de abril com mais uma novidade aos fãs de música ao vivo. Em virtude da pandemia do coronavírus, o projeto ShowlivrePlay foi adiantado.

A plataforma, que estreia com a campanha "MúsicaSalva", permitirá que os fãs assistam apresentações dos artistas em pay-per-view. Chico César e Bia Ferreira abrirão a agenda de shows, que também já tem Ana Cañas, Doralyce e as bandas Versalle e NDK confirmadas.

Eles se apresentarão de suas casas, com show de mínima duração de 30 minutos. Os ingressos serão vendidos na plataforma ShowlivrePlay por meio de cartão de crédito e a receita será dividida entre artistas e Fundo Emergencial para a Saúde Coronavírus Brasil.

O fã poderá escolher entre três valores que gostaria de contribuir e ainda tem a opção "sem custo". Ficará a cargo do artista doar parte ou valor total à campanha.

Como funcionará o ShowlivrePlay

A ferramenta de streaming de música ao vivo no formato pay-per-view acontecerá a partir de casa de shows e festivais. Os artistas escolherão se deixarão o conteúdo das apresentações disponíveis para venda posterior, no formato on demand. Eles também darão o preço da maneira que preferirem.

Adriana de Barros