PUBLICIDADE
Topo

Amizade entre Projota e Jared Leto rende parceria no remix de "Rescue Me"

Após se apresentar duas vezes com Thirty Seconds to Mars, Projota faz parceria com Thirty Seconds to Mars - Divulgação
Após se apresentar duas vezes com Thirty Seconds to Mars, Projota faz parceria com Thirty Seconds to Mars
Imagem: Divulgação
Adriana de Barros

Colunista de Música do UOL, onde atuou 20 anos na área de Entretenimento, com coordenação de coberturas em grandes festivais e do Carnaval. É curadora do edital 2020 Natura Musical e integrou o Superjúri 2019 do Prêmio Multishow. Eleita uma das cinco melhores jornalistas musicais do Brasil pelo WME Awards by Music2. Apresentadora do podcast Fala Zé na rádio Energia 97 ao lado de Zé Antônio Constantino e Hélio Cosmo Leite.

29/11/2018 13h35

A relação entre Projota e o Thirty  Seconds To Mars iniciada no Rock In Rio 2017 continua rendendo. Depois de cantar com Jared Leto no show em São Paulo, em setembro, o rapper foi convidado para participar do remix de "Rescue Me", faixa do álbum America, lançado em abril.

A faixa estará disponível nas plataformas de música a partir desta sexta (30), acompanhada de um lyric video.

"Nossos dois encontros foram muito bons. Este ano, quando fiz a participação no show deles em São Paulo, eu já havia gravado a minha voz em 'Rescue Me'", conta Projota. 
 
O interesse musical do rapper pelo trabalho do Thirty Seconds To Mars vem de alguns anos. Ele cresceu ouvindo rock, e logo conheceu o som da banda, quando eles estouraram e se tornaram conhecidos no mundo todo. 

"É uma alegria gigantesca cantar ao lado de artistas tão incríveis, reconhecidos mundialmente. Sempre enxerguei neles uma música com muita verdade, força e muito visceral. Quando escrevi a minha parte da música, fluiu de forma muito natural. Adoro essa música", comemora o cantor da zona norte de São Paulo.
 
A versão original da música soma mais de 19 milhões de streams no Spotify e seu videoclipe já passa de 26 milhões de visualizações. 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL