PUBLICIDADE
Topo

Ex-baterista do Ramones, Richie Ramone chega em abril no país para 5 shows

Richie Ramone toca em cinco cidades brasileiras em abril - Divulgação
Richie Ramone toca em cinco cidades brasileiras em abril Imagem: Divulgação
Adriana de Barros

Colunista de Música do UOL, onde atuou 20 anos na área de Entretenimento, com coordenação de coberturas em grandes festivais e do Carnaval. É curadora do edital 2020 Natura Musical e integrou o Superjúri 2019 do Prêmio Multishow. Eleita uma das cinco melhores jornalistas musicais do Brasil pelo WME Awards by Music2. Apresentadora do podcast Fala Zé na rádio Energia 97 ao lado de Zé Antônio Constantino e Hélio Cosmo Leite.

21/02/2018 12h08

Mais um Ramone estará em breve entre nós. O baterista Richie  Ramone volta ao Brasil pela terceira vez em abril para cinco shows. O repertório terá músicas de sua carreira solo e clássicos da icônica banda de punk rock, da qual fez parte por quatro anos.

Os fãs de Londrina, interior do Paraná, darão boas vindas a Richie, no dia 26 de abril, no Bar Valentino. Depois, o músico segue para o Nordeste, onde tocará no Abril Pro Rock, em Recife (PE), no dia 27.

São Luís (MA), Fortaleza (CE) e Jaraguá do Sul (SC) também estão no roteiro da turnê brasileira.  O músico, então, segue rumo a Argentina, depois Uruguai e, por fim, ao Chile. Contando os shows no Brasil, a turnê terá 13 apresentações, encerrando no dia 20 de maio de 2018.

Aos 60 anos, Richie foi baterista do Ramones a partir de 1983, quando substituiu Marky, e deixou a banda em 1987. Durante sua passagem, o músico participou da gravação dos álbuns "Too Tough to Dide" (1984), "Animal Boy" (1986) e "Halfway to Sanity" (1987).

Richie se apresentará com o baixista Clare Misstake e os guitarristas Steve Haley e Ben Reagan. Seu álbum mais recente é "Cellophane", lançado em 2016. É o segundo da carreira solo do músico, que em 2013 lançou "Entitled".

Ingressos

Já estão disponíveis ingressos para o show em Londrina (PR). As entradas custam a partir de R$ 60 (lote promocional) e podem ser adquiridas neste link

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL