PUBLICIDADE
Topo

Contra homofobia, Johnny Hooker lança videoclipe com beijão entre globais

Cenas do videoclipe de "Flutua" - Reprodução
Cenas do videoclipe de "Flutua" Imagem: Reprodução
Adriana de Barros

Colunista de Música do UOL, onde atuou 20 anos na área de Entretenimento, com coordenação de coberturas em grandes festivais e do Carnaval. É curadora do edital 2020 Natura Musical e integrou o Superjúri 2019 do Prêmio Multishow. Eleita uma das cinco melhores jornalistas musicais do Brasil pelo WME Awards by Music2. Apresentadora do podcast Fala Zé na rádio Energia 97 ao lado de Zé Antônio Constantino e Hélio Cosmo Leite.

27/12/2017 08h34

Johnny Hooker comemora o sucesso do videoclipe de "Flutua", que marca mais uma vez sua parceria com Liniker. Lançado na véspera de Natal, o vídeo soma quase 500 mil visualizações no YouTube.

O filme de pouco mais de sete minutos narra a história de amor entre dois deficientes auditivos interpretados pelos atores Jesuíta Barbosa e Mauricio Destri, que buscam uma história romântica, mas enfrentam situações homofóbicas.

Em determinado momento, os dois se beijam na rua e o personagem de Destri é agredido por dois homens. Liniker e Hooker também se beijam no final do vídeo como manifesto contra a homofobia. A cena remete a apresentação que ambos fizeram no Rock in Rio, em setembro, no Palco Sunset, cujo cenário trazia os dizeres "amar sem temer".

No formato de mini documentário, o roteiro de "Flutua" foi escrito pelo cineasta Daniel Ribeiro, diretor do filme "Eu Não Quero Voltar Sozinho" em parceria com Johnny Hooker, e dirigido por Ricardo Spencer.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL