Topo

Coluna

Adriana de Barros

Skank anuncia gravação do álbum "Samba Poconé" ao vivo no Rio de Janeiro

Weber Padua/Divulgação
Henrique Portugal, Lelo Zaneti, Samuel Rosa e Haroldo Ferretti gravam álbum ao vivo no Rio de Janeiro pela primeira vez Imagem: Weber Padua/Divulgação
Adriana de Barros

Adriana trabalha no UOL desde 2000, passou pelas rádios Mix FM, 97Rock e pela gravadora Sony Music.

27/06/2017 17h34

Com o fim da turnê do projeto Nivea Viva Jorge Ben Jor no último domingo (25), o Skank começa a preparar a gravação do show "Samba Poconé - 20 anos", que será no dia 25 de novembro.

No fim do ano passado, a banda excursionou em algumas cidades comemorando os 15 anos de lançamento do álbum produzido por Dudu Marote, que traz hits como "É Uma Partida de Futebol", "Tão Seu" e "Garota Nacional".

Além de executar o álbum na íntegra, o Skank também tocará temas do início da carreira.

A cidade escolhida desta vez é o Rio de Janeiro. Pela primeira vez, Samuel Rosa, Henrique Portugal, Lelo Zaneti e Haroldo Ferretti estarão na capital carioca para gravação de um disco ao vivo. O martelo foi batido na tarde desta terça (27) com o Circo Voador.

Ainda sem data de lançamento, o material será editado em CD, DVD e vinil duplo.

Inspirado nos filmes da Atlântida com Zé Trindade, Renata Fronzi e Grande Otelo e nos pequenos circos que percorrem o país, o título "O Samba Poconé" foi criado especialmente para batizar o terceiro álbum da carreira do quarteto.

O álbum teve a participação de Mano Chao e marcou a primeira parceria de Samuel Rosa com Nando Reis, em "É uma Partida de Futebol".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!