PUBLICIDADE
Topo

Após sucesso na Billboard com 'Dynamite', BTS mira o Grammy

Cena do clipe "Dynamite", do BTS - Reprodução/YouTube
Cena do clipe 'Dynamite', do BTS Imagem: Reprodução/YouTube

Hyonhee Shin

Em Seul (Coreia do Sul)

02/09/2020 13h20

Depois de se tornar o primeiro grupo sul-coreano a alcançar o topo da parada musical da Billboard nos Estados Unidos, o fenômeno do k-pop BTS estabeleceu hoje como objetivo uma performance solo no Grammy Awards do próximo ano —e talvez um ou dois troféus.

Desde sua estreia em 2013, a boy band sul-coreana de sete membros virou mania global do K-pop. Na segunda-feira (31), eles alcançaram o primeiro lugar na parada Billboard Hot 100 com o hit disco "Dynamite", um primeiro single totalmente em inglês que foi bem recebido pelos fãs pop dos EUA.

Para o BTS, o sucesso mundial —com um vídeo no Youtube que já acumulou 275 milhões de visualizações— aumenta as esperanças de conquista no Grammy — o grupo se apresentou lá neste ano ao lado do rapper Lil Nas X, mas nunca foi indicada para um prêmio.

"O Grammy é o lugar que todos os artistas sonham, e esperamos poder apresentar nossa própria performance, garantir indicações e, se possível, ganhar um prêmio", disse o líder do grupo e rapper RM, de 25 anos, falando ao lado de seus companheiros durante uma coletiva de imprensa online hoje.

Os integrantes do grupo disseram que a conquista da Billboard ainda não "parecia real", lamentando não poder celebrá-la com os fãs, já que a pandemia do coronavírus os levou a cancelar uma turnê mundial.

"Todas as apresentações e shows que fizemos agora se tornaram um sonho", afirmou RM, cujo nome verdadeiro é Kim Nam-joon. "Mas ainda queremos fazer um show ao ar livre algum dia, convidando muitas pessoas e fazendo um festival em uma grande praça."