PUBLICIDADE
Topo

#FreeBritney: tutela de Britney Spears seguirá com o pai até 2021

Tutela dos negócios de Britney Spears continuará com o pai, Jamie, até 2021 - Por Jill Serjeant
Tutela dos negócios de Britney Spears continuará com o pai, Jamie, até 2021 Imagem: Por Jill Serjeant

Jill Serjeant

De Los Angeles

20/08/2020 11h30

Britney Spears fracassou na tentativa de remover seu pai do controle de seus negócios e assuntos pessoais. Um tribunal de Los Angeles decidiu hoje não fazer mudanças imediatas em sua tutela de 12 anos indicada pelo tribunal.

A estrela pop, agora com 38 anos, pediu que sua empresária substituísse permanentemente seu pai Jamie como tutor — mas a audiência a portas fechadas estendeu os arranjos atuais até fevereiro de 2021, de acordo com um documento judicial postado online por fãs.

O caso

Jamie Spears foi nomeado tutor da filha em 2008, depois que a estrela pop foi hospitalizada para tratamento psiquiátrico. A empresária da cantora, Jodi Montgomery, assumiu a função temporária no final do ano passado, quando Jamie Spears sofreu um problema de saúde.

Um advogado da cantora apresentou documentos antes da audiência privada dizendo que Spears era "fortemente contra" a volta do pai com controlador de seus negócios. Não foram apresentados nos documentos motivos para sua posição.

Spears retomou sua carreira após a internação inicial, mas no ano passado desistiu de um show em Las Vegas (EUA) e entrou brevemente em um centro de saúde mental. Ela não se apresenta publicamente desde outubro de 2018.