PUBLICIDADE
Topo

"Breunion Boys": banda quer convencer Reino Unido a ficar na União Europeia

Anthony Deutsch

De Amsterdã

19/12/2018 18h20

Com o Brexit rapidamente se aproximando, uma boy band pró-União Europeia fez a sua estreia com uma balada para os britânicos que pede para eles "voltarem para nós", porque o amor não acabou.

A "Breunion Boys", de cinco integrantes, formada por uma artista de animação holandesa, lançou o vídeo do seu primeiro single, "Britain Come Back" (Volte Reino Unido, em tradução livre), em Amsterdã nesta semana.

A criadora Julia Veldman trabalhava num filme em Nova York quando ouviu que os britânicos haviam votado em plebiscito para deixar o bloco.

"Eu chorei, eu realmente chorei de tristeza. Foi tão inesperado e impressionante, e isso fez eu me sentir impotente", disse a artista em entrevista.

Os Breunion Boys - Reprodução/YouTube - Reprodução/YouTube
Os Breunion Boys
Imagem: Reprodução/YouTube

Inspirada pela boy band britânica Take That, ela passou um ano fazendo testes com quem podia cantar, dançar e também acreditava na relação britânica com o bloco.

Ela afirmou que criar a boy band foi uma "tentativa desesperada e final" para impedir o Brexit antes da data de partida, 29 de março de 2019, data em que o Reino Unido saíra formalmente da União Europeia.

"Eu pensei: o que mais poderia funcionar melhor do que a voz do Take That ou de uma boy band - a melhor coisa que o Reino Unido já nos deu - para convencê-los a nos aceitar de volta?"

O resultado é um grupo de cinco garotos, entre 22 e 25 anos, três deles estudantes universitários na Holanda.

Com o divórcio entre o Reino Unido e a União Europeia provocando uma crise política e turbulência nos mercados financeiros, a Breunion Boys quer transmitir a emoção sentida por milhões de europeus que querem permanecer juntos.