Topo

Entretenimento


Após "Podres de Ricos", "Buscando..." mostra mais inovações

24/08/2018 17h58

Por Rollo Ross

LOS ANGELES (Reuters) - Os asiáticos no filme ?Buscando...? não são ricos ou podres, mas o suspense contemporâneo é em algumas maneiras tão inovador quanto a grande comédia romântica que tem feito sucesso em Hollywood.

?Buscando...?, que estreia nos cinemas norte-americanos nesta sexta-feira, uma semana após a estreia de ?Podres de Ricos?, conta a história de um pai que tenta localizar sua filha adolescente após ela desaparecer.

    Além do filme independente estrelar o ator coreano-americano John Cho, e uma família inteiramente asiática-americana, o filme é contado através de sites, redes sociais e telas de smartphones e computadores, conforme Cho vasculha a vida particular de sua filha atrás de pistas para o desaparecimento.

    ?Este é um suspense muito clássico contado de uma maneira extremamente não convencional. Cada cena é contada a partir da perspectiva de um aparato tecnológico que nós usamos diariamente para nos comunicar?, disse o diretor estreante Aneesh Chaganty, indiano-americano de 27 anos e ex-produtor de comerciais para o Google.

?Historicamente, nenhum filme fez isto da maneira que nós estamos tentando fazer. Nós estamos tentando criar uma tela muito cinemática a partir de telas que nós usamos em nossos bolsos todos os dias?, disse Chaganty.

    ?Acho que este filme é tanto sobre os aspectos negativos da tecnologia quanto sobre os positivos?.     

    Enquanto ?Podres de Ricos?, sobre as vidas de famílias ricas em Cingapura, foi anunciado como o primeiro filme de um estúdio de Hollywood em 25 anos com um elenco inteiramente asiático, ?Buscando...? é notável por apresentar uma família asiática-americana sem razão particular.

    ?Não é especificamente asiática-americana. Poderia literalmente ser qualquer um de qualquer etnia?, disse Debra Messing, que interpreta uma detetive e é a única personagem branca de destaque no filme.

Mais Entretenimento