Topo

Festival de Cannes

Queda de braço: Netflix se retira do Festival de Cannes após mudança de regra

Laurent Emmanuel/AFP Photo
O diretor Bong Joon-Ho e parte do elenco do filme "Okja" conversa com a imprensa no Festival de Cannes de 2017 Imagem: Laurent Emmanuel/AFP Photo

Jill Serjeant

De Los Angeles (EUA)

11/04/2018 17h04

A Netflix informou nesta quarta (11) que está se retirando totalmente do Festival de Filmes de Cannes, que acontece no mês que vem, depois de os organizadores terem banido filmes da plataforma de streaming da competição pela sua recusa de lançá-los nos cinemas.

O chefe de conteúdo da Netflix, Ted Sarandos, disse à revista americana "Variety" em uma entrevista que não havia motivo para participar de Cannes depois da mudança das regras do festival.

O diretor do festival de Cannes, Thierry Fremaux, disse no mês passado que a Netflix se recusava a divulgar seus filmes em cinemas na França e por isso seria banida da competição no festival de 12 dias. No entanto, Thierry disse à Netflix que poderia exibir filmes fora da competição.

A Netflix não participará como um não-competidora, Sarandos afirmou à "Variety". "Eu não penso que teria qualquer razão para ir fora da competição. A regra era implicitamente sobre a Netflix, e Thierry fez explicitamente sobre a Netflix quando anunciou a regra."

"Nós queremos que nossos filmes estejam em igualdade de condições com todos os outros cineastas", acrescentou Sarandos. "Há um risco em nós tomarmos esse caminho e ter nossos filmes e cineastas tratados desrespeitosamente no festival. Eles decidiram o tom. Eu não acho que seria bom para nós estar lá."

A Netflix pretende lançar 80 filmes originais em 2018 para os seus 109 milhões de assinantes ao redor do mundo.