Entretenimento

"Só quero saber a verdade", diz suposta filha que pediu exumação de Dalí

AFP/EPA
Maria Pilar Abel Martínez diz ser filha de Salvador Dalí Imagem: AFP/EPA

Alba Asenjo Dominguez

De Madri (Espanha)

14/07/2017 17h11

Poucos dias antes de os restos mortais do pintor surrealista espanhol Salvador Dalí serem exumados para a obtenção de amostras de DNA que possibilitem uma prova de paternidade, María Pilar Abel, a mulher que afirma ser sua filha, disse que só quer descobrir quem é.

"(Busco) minha identidade, saber quem sou. Só quero que se saiba a verdade", garantiu ela em uma entrevista à Reuters na quinta-feira, à espera do desenlace de um processo que iniciou há 11 anos com o apoio de sua mãe.

Maria Pilar Abel, nascida em 1956 em Figueras, Gerona, e que trabalhou como vidente em um canal de televisão da localidade, alega que sua mãe teve uma aventura com o pintor na década de 1950, quando trabalhava na casa de Dalí.

Ela disse ter sabido da história pela boca de sua avó quando ainda era menina.

No que pode ser um dos últimos passos para solucionar questão, uma juíza de Madri marcou a exumação do pintor para 20 de julho. A Fundação Dalí recorreu da resolução para "proteger a dignidade do artista".

Dalí, que morreu em 1989 aos 84 anos, foi um dos artistas mais famosos do movimento surrealista do século 20. Ele é o autor de quadros emblemáticos, como o dos relógios derretidos da obra de 1931 intitulada "A persistência da memória", mas também trabalhou com cinema, escultura e publicidade.

"Não sou movida por dinheiro", disse ela à Reuters entre lágrimas. "Meu pai merece mais que isso."

Divorciada e mãe de quatro filhas, Maria Pilar Abel disse ter cruzado habitualmente com o artista nas ruas de Figueras, o povoado natal de ambos e onde Dalí está enterrado, mas nunca se atreveu a lhe perguntar se ele era seu pai

O artista excêntrico, facilmente reconhecível por seu bigode grande e encerado, era famoso por seu comportamento escandaloso, como por exemplo dar palestras vestido com um traje antigo de mergulhador e dirigir da Espanha a Paris em um Rolls Royce branco repleto de couve-flores.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo