Entretenimento

China lança programa de TV repleto de ação para promover guerra à corrupção

24/03/2017 12h24

CHINA-SERIADO-COMBATECORRUPCAO:China lança programa de TV repleto de ação para promover guerra à corrupção

Por Christian Shepherd

PEQUIM (Reuters) - Perseguições de helicóptero, geladeiras cheias de dinheiro e autoridades pegas na cama com suas amantes estrangeiras fazem parte do cotidiano dos procuradores da força anticorrupção da China, de acordo com um novo drama televisivo patrocinado pelo Estado cujo objetivo é promover a guerra contra a corrupção no país.

"Em Nome do Povo", o novo programa do departamento de propaganda da Procuradoria Suprema do Povo (SPP, na sigla em inglês), a principal procuradoria da China, acompanha um intrépido investigador da SPP que vai a uma província fictícia de Pequim combater a corrupção nos níveis mais altos da máquina governamental.

O presidente chinês, Xi Jinping, prometeu que sua guerra de muitos anos à corrupção, que já prendeu dezenas de milhares de autoridades, irá continuar até a prática estar totalmente erradicada, alertando que ela poderia ameaçar a existência do Partido Comunista se não for extirpada.

Mas acadêmicos vêm questionando a durabilidade da campanha de Xi, que irá iniciar seu segundo mandato após uma reforma na liderança no final deste ano, argumentando que o ressentimento deve aumentar no partido se as medidas anticorrupção prosseguirem com a abrangência e a intensidade atuais.

A versão dramatizada dos eventos que irá ao ar, a primeira do tipo desde que a campanha começou, mostra o procurador liderando uma investigação que inclui policiais fazendo rapel e operações em apartamentos de autoridades nas quais se descobrem colchões repletos de notas de 100 iuanes, segundo o comunicado oficial.

O programa irá estrear em 28 de março na Hunan Television, o segundo canal mais assistido da China.

O romancista chinês famoso Zhou Meise escreveu o roteiro, além de um romance homônimo publicado em janeiro com apoio do SPP, que permitiu que ele entrevistasse autoridades corruptas na prisão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo