Entretenimento

Surrealistas mexicanas lideram leilão de arte latino-americana em Nova York

AP/Sotheby's
Pintura "Hacia la Torre", de Remedios Varo, que foi vendida em leilão realizado em Nova York por US$ 4,31 milhões Imagem: AP/Sotheby's

Walker Simon

De Nova York

25/11/2014 09h57

As pintoras surrealistas mexicanas Remedios Varo e Leonora Carrington lideraram as vendas de artes latino-americanas em Nova York nesta segunda-feira (24), numa noite que também estabeleceu valor recorde em leilão para um trabalho do colombiano Fernando Botero.

A obra de Remedios "Hacia la Torre", de 1960, foi levada por US$ 4,31 milhões (R$ 10,8 milhões), e "The Temptation of Saint Anthony", de Leonora, peça de 1945, foi arrematada por US$ 2,63 milhões (R$ 6,63 milhões) na casa de leilões Sotheby's.

"Houve mais interesse nelas porque os compradores estavam interessados no surrealismo enquanto um campo artístico; eles não se importavam de onde vinha o artista", disse Axel Stein, chefe de artes latino-americanas da Sotheby's, notando que as propostas vieram do hemisfério Ocidental e da Europa. 

AP/Sotheby's
Quadro "The Temptation of St. Anthony", de Leonora Carrington Imagem: AP/Sotheby's

Na casa de leilões Christie's, a escultura "Adão e Eva" de Botero, feita em bronze, foi vendida por US$ 2,57 milhões  (US$ 6,48 milhões).

As obras de arte do leilão da Sotheby's vieram da coleção do magnata mexicano Lorenzo Zambrano, que liderou a companhia global de cimento Cemex até sua morte em maio deste ano, aos 70 anos. 

No total, o leilão da Sotheby's resultou em US$ 17,6 milhões (R$ 44,37 milhões). O da Christie's, também realizado na segunda-feira à noite, totalizou US$ 20,18 milhões (R$ 50,87). 

Os valores pagos pelas obras de Remedios Varo e Leonora Carrington foram recorde para as artistas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo