Entretenimento

Leilão de relógio de bolso suíço atinge recorde de US$24 milhões

11/11/2014 17h27

GENEBRA (Reuters) - Um relógio de bolso de ouro feito pela Patek Philippe para um banqueiro de Nova York no início dos anos 1930 alcançou 23,2 milhões de francos suíços (24 milhões de dólares) em um leilão nesta terça-feira, quebrando o recorde para o objeto estabelecido há 15 anos, afirmou a Sotheby's.

Henry Graves pediu à famosa relojoaria suíça para produzir o relógio mais complicado do mundo e superar um feito para James Packard, um fabricante de automóveis norte-americano.

"O Henry Graves Supercomplication restabeleceu seu status supremo como o relógio mais valioso na história dos leilões, vendido por 23,2 milhões de francos suíços (24 milhões de dólares), batendo assim o recorde de 11 milhões de dólares estabelecido em 1999", disse a Sotheby's em um comunicado, após a venda em Genebra.

(Reportagem de Stephanie Nebehay)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo