Topo

Entretenimento

Sob proteção policial, autor do best-seller "Gomorra" recebe prêmio por coragem

EFE
O escritor Roberto Saviano, autor do best-seller "Gomorra", em discurso na Universidade de Gênova (22/01/2011) Imagem: EFE

Mike Collett-White

De Londres

10/10/2011 18h27

O escritor italiano Roberto Saviano, que vive sob proteção policial desde que publicou o best-seller de 2006 "Gomorra", sobre a máfia napolitana, recebeu o Prêmio Internacional PEN/Pinter de Escritor de Coragem.

Saviano, de 32 anos, divide o prêmio com o britânico David Hare, que é conhecido principalmente por seus trabalhos sobre instituições britânicas.

TRAILER DO FILME "GOMORRA"

A cada ano um escritor britânico é agraciado pelo prêmio PEN/Pinter, criado em 2009 pela organização literária e de direitos humanos PEN em memória do dramaturgo premiado com o Nobel Harold Pinter. Além do escritor britânico, é premiado outro escritor que tenha sido perseguido por expressar suas crenças.

"Roberto Saviano enfrentou a máfia napolitana, primeiro no livro 'Gomorra' e depois no filme nele baseado", falou Hare em uma cerimônia de premiação em Londres na segunda-feira.

"Para isso, ele colocou sua própria segurança em grande risco. Ao dividir meu prêmio com ele, minha esperança é que o reconhecimento do PEN possa facilitar a vida, mesmo que de uma maneira pequena."

Saviano, que hoje vive na clandestinidade após as ameaças a sua vida, enviou uma mensagem de agradecimento. "Quando você sente que tantos precisam enxergar, saber e mudar, e não apenas ser entretidos ou confortados, então vale a pena continuar a escrever", ele disse em comunicado divulgado pelos organizadores do prêmio.

David Hare, de 64 anos, recebeu o título de cavaleiro em 1998 e é membro da Real Sociedade de Literatura.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento