Entretenimento

Juíza prorroga restrição a homem que perseguia Halle Berry

01/08/2011 18h32

LOS ANGELES (Reuters) - Uma juíza de Los Angeles prorrogou na segunda-feira por três anos a medida que obriga Richard Franco a manter uma distância de cem jardas (91,4 metros) da atriz Halle Berry e da filha dela.

Franco, 27 anos, foi preso no mês passado na casa da atriz em Hollywood, depois de pular uma cerca. Em 12 de julho, ele já havia sido provisoriamente proibido de se aproximar dela.

Nem Berry nem Franco estavam presentes na audiência de segunda-feira. Mas Berry, de 44 anos, informou à Justiça que o homem já havia entrado no jardim da casa dela em várias ocasiões, e que numa delas tentou perseguir a atriz até a cozinha da residência.

(Reportagem de R.T. Watson)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo