Entretenimento

Joe Pesci acusa produtores de barrá-lo em filme sobre gângster

28/07/2011 20h45

LOS ANGELES (Reuters) - O ator Joe Pesci abriu um processo contra os produtores de um filme inspirado no gângster John Gotti, acusando-os de cancelar um contrato verbal depois que Pesci já havia engordado quase 15 quilos para interpretar um papel coadjuvante.

John Travolta, Al Pacino e Lindsay Lohan estão entre os atores confirmados no elenco de "Gotti: In the Shadow of My Father" ("Gotti: À Sombra do Meu Pai", em tradução livre).

Na ação, Pesci alega que tinha um acordo verbal com a produtora Fiore Films para interpretar Angelo Ruggiero, amigo de Gotti, e que receberia um cachê de 3 milhões de dólares.

Mas depois, a produtora avisou que ele teria um papel de menor destaque, com cachê de 1 milhão de dólares, segundo a ação.

O ator ítalo-americano acusou a produtora de quebra de contrato verbal, fraude, apropriação indébita de nome e imagem e enriquecimento ilícito. Ele pede indenização de pelo menos 3 milhões de dólares.

John Travolta já está confirmado para o papel de Gotti, que morreu em 2002 enquanto cumpria pena de prisão perpétua.

(Reportagem de Alex Dobuzinskis)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo