Entretenimento

Arábia Saudita descobre inscrições do tempo dos faraós

08/11/2010 15h17

JEDÁ (Reuters) - A Arábia Saudita descobriu as primeiras inscrições em hieróglifos no reino, as quais mencionam um faraó egípcio de mais de 3 mil anos atrás, informou a imprensa local.

As inscrições, encontradas numa rocha perto da cidade de Tabuk, no norte do país, citam o nome do faraó Ramsés III e se referem ao século 12 antes de Cristo, segundo informou a agência estatal de notícias SPA no fim da noite de domingo.

Ramsés III governou o Egito Antigo de 1.192 até 1.160 a.C

A descoberta foi feita em julho no oásis de Tayma, que, segundo dizem agora os arqueólogos, era um ponto importante na rota terrestre entre a costa oeste da Arábia e o vale do rio Nilo, no Egito.

Nos últimos anos, a Arábia Saudita vem aumentando os esforços para promover descobertas arqueológicas e culturais. No começo deste ano, o governo exibiu alguns dos achados no Museu do Louvre, em Paris.

(Reportagem de Asma Alsharif)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo