Entretenimento

Sotheby's arrecada valor recorde em leilão de Amsterdã

Toussaint Kluiters/AFP
Homem dá lance em obras de arte pós-guerra e contemporânea da Coleção Peter Stuyvesant em leilão realizado pela casa Sotheby's em Amsterdã, na Holanda (08/03/2010) Imagem: Toussaint Kluiters/AFP

AARON GRAY-BLOCK

09/03/2010 09h15

AMSTERDà - Um leilão da Sotheby's para mais de 160 obras de arte pós-guerra e contemporânea da Coleção Peter Stuyvesant ultrapassou todas as expectativas na noite de segunda-feira, arrecadando um recorde de 13,6 milhões de euros (US$ 18,6 milhões).

As obras oferecidas em Amsterdã eram propriedade do British American Tobacco The Netherlands e formavam a maior coleção desse tipo de arte já leiloado no país.

"Nós testemunhamos um impressionante nível de ofertas da Europa, América do Norte e do Sul e Ásia, quase sem precedentes no leilão da Sotheby's em Amsterdã", disse o vice-diretor Bert-Jan Van Egteren.

A Sotheby's esperava arrecadar entre 4,4 milhões e 6,3 milhões de euros, e os 13, 6 milhões de euros arrecadados foi o maior valor conquistado na Holanda por uma venda de obras de arte.

Origem
A coleção foi iniciada por Alexander Orlow, que em 1960 convidou 13 artistas de 13 países europeus a pintarem quadros para um salão de produção na Turmac Tobacco Company na Holanda, como forma de dar mais ânimo ao local de trabalho.

Ele especificou que os trabalhos deveriam ser grandes com cores brilhantes e formas que combinassem com o tema "joie de vivre" (alegria de viver). Ele notou que a produtividade de fato aumentou depois da instalação das obras.

O maior preço oferecido na segunda-feira foi para um Martin Kippenberger's Dinosaurierei, vendido por 1,07 milhão de euros. Terminado em 1996, um ano antes de sua morte aos 44 anos, a obra é parte da série do artista chamada "Egg Paintings" ("Pinturas de Ovos").

Diversos trabalhos de Karel Appel também estavam à venda, como um Tete Tragique, uma pintura à óleo em tela de 1961, vendido por quase 493 mil euros.

O leilão em Amsterdã também incluiu artistas que bateram novos recordes numa recente venda em Londres, como Jan Schoonhoven e Gunther Uecker

O "Square with Diagonals" ("Quadrado com Diagonais"), de Schoonhoven, foi vendido na segunda-feira por 456.750 de euros, enquanto o "Grosser Schnee", de Uecker, foi leiloado por 336.750 euros, ambos acima das estimativas iniciais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Entretenimento

Topo