PUBLICIDADE
Topo

Astro de 'Breaking Bad' doa plasma a pesquisas após se curar da covid-19

Bryan Cranston, ator premiado por sua atuação em "Breaking Bad" - Reprodução
Bryan Cranston, ator premiado por sua atuação em "Breaking Bad" Imagem: Reprodução

Colaboração para o UOL, em São Paulo

30/07/2020 18h11

Bryan Cranston, astro de "Breaking Bad", de 64 anos, revelou hoje que teve covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. No entanto, ele já está curado — e resolveu fazer uma boa ação.

O intérprete de Walter White compartilhou em suas redes sociais um vídeo em que aparece no hospital, doando plasma que pode ajudar pesquisadores a encontrar a cura para a doença, que já matou cerca de 150 mil pessoas nos Estados Unidos e 90 mil pessoas só no Brasil.

Na legenda, o ator se explicou. "Oi. Você agora provavelmente deve estar se sentindo um pouco 'amarrado', com sua mobilidade reduzida, e, assim como eu, deve estar cansado disso. Bem, quero encorajar você a ter um pouco mais de paciência. Eu fui bastante rigoroso em seguir os protocolos e ainda assim fui contaminado pelo vírus", escreveu.

"Parece assustador agora que mais de 150 mil americanos morreram por causa disso. Eu fui um dos sortudos. Tive sintomas leves. Conto minhas bênçãos e peço a você para continuar usando essa maldita máscara, lavando as mãos e mantendo o distanciamento social. Nós podemos prevalecer, mas somente se seguirmos as regras juntos. Fiquem bem", finalizou.

Filmes e séries