PUBLICIDADE
Topo

Gabriel, o Pensador: Pelé me procurou para gravar música sobre bundalização

Gabriel, o Pensador, se apresenta no Lollapalooza 2019 - Iwi Onodera/UOL
Gabriel, o Pensador, se apresenta no Lollapalooza 2019 Imagem: Iwi Onodera/UOL

Colaboração para o UOL, em Santos

28/07/2020 08h21

Gabriel, o Pensador contou que recebeu o convite de Edson Arantes do Nacimento, o Pelé, para gravar uma música do ex-jogador. A letra da canção, escrita pelo próprio Rei, falava sobre a "bundalização" do Brasil.

"O Pelé me ligou e queria me mostrar uma letra de música para a gente gravar. A letra era sobre a 'bundalização' . O país das bundas versus a educação das crianças", contou em entrevista ao "Sterblitch Não Tem Um Talk Show: o Talk Show".

Ele diz que, na época, recusou o convite pois tinha acabado de fazer uma letra sobre o tema com Fernanda Abreu. "Era realmente um assunto do momento. E eu expliquei para ele que, por coincidência, eu já tinha abordado aquele tema", contou.

O rapper falou ainda sobre a morte do pai, Miguel, em abril, em razão de um enfisema pulmonar, e da música "A Cura Está no Coração", composta depois da perda. "Depois que meu pai se foi, a nossa família se uniu mais ainda", disse.

"O meu pai já tinha falecido quando as pessoas começaram a perguntar 'E aí, Gabriel? Não vai fazer uma música sobre tudo isso?' E eu estava em outra vibe, no luto, uma coisa introspectiva. Mas aí de repente veio a letra, veio a ideia e eu fiz."