PUBLICIDADE
Topo

Joseph Gordon-Levitt também acha que Tom é o vilão de '(500) Dias Com Ela'

"(500) Dias Com Ela" conta a história do relacionamento de Tom e Summer - Reprodução/Filme Take Out
"(500) Dias Com Ela" conta a história do relacionamento de Tom e Summer Imagem: Reprodução/Filme Take Out

Do UOL, em São Paulo

10/07/2020 16h51

Joseph Gordon-Levitt nunca escondeu que não gosta muito da forma como fãs de "(500) Dias Com Ela" enxergam o filme — como se seu personagem Tom fosse o homem perfeito, e Summer estivesse errada em terminar o relacionamento com ele.

No entanto, ontem ele foi um passo além na argumentação, ao compartilhar uma postagem que dizia que seu personagem é, na verdade, o vilão do filme.

Tudo começou com uma nova corrente que surgiu no Twitter nos últimos dias: usuários da rede social postam fotos comparando os vilões dos filmes e quem, em sua opinião, é o verdadeiro vilão.

Ontem, Gordon-Levitt compartilhou uma versão que dizia que, apesar de Summer ser considerada a vilã de "(500) Dias Com Ela", na verdade esse papel pertence a Tom.

E completou: "Eu aprovo essa mensagem."

A opinião polêmica causou uma comoção, e a publicação do ator já tem mais de 350 mil curtidas e 53 mil compartilhamentos.

Os fãs lembraram outras ocasiões em que o ator defendeu Summer. Em entrevista à Playboy em 2012, ele opinou:

"A atitude de 'Ele te quer tanto' parece atraente para algumas mulheres e homens, especialmente os mais novos. Mas eu recomendaria a qualquer um que goste do meu personagem que assista ao filme de novo, e examine o quão egoísta ele é."

Alguns não gostaram da opinião de Joseph Gordon-Levitt. "Eu concordo que ele era egoísta e projetava suas expectativas, e acima de tudo era 'apaixonado pela ideia da Summer, e não pela Summer em si'. No entanto, ela o leva para casa, conta histórias na cama que nunca contou a mais ninguém e transa com ele no chuveiro. Isso se chama fazer joguinho."

A discussão continuou: "Ele continuou o tempo todo sabendo como ela se sentia sobre tudo. Não é exatamente fazer joguinho quando ela foi sincera com ele desde o início".

Joseph deixou os fãs debaterem nos comentários e não se envolveu mais no assunto.

Muitos levantaram uma terceira hipótese: a de que não há vilão.

"Eu só vi duas pessoas jovens, inocentes, ansiosas e inexperientes tateando o caminho em uma relação, com expectativas diferentes. Sem vilões, só pessoas reais em uma obra linda. Eu amo esse filme", resumiu um fã.

Filmes e séries