PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Drive-in nunca vai substituir cinema, mas quebra um galho na quarentena

Osmar Portilho

Do UOL, em São Paulo

17/06/2020 12h00

Sabe quando alguém acende o celular no meio da sala de cinema? O tipo de irritação aqui é quando alguém buzina ou liga o pisca-alerta para ir ao banheiro. Em tempos de distanciamento social, estivemos ontem à noite no Belas Artes Drive-In, instalado no Memorial da América Latina, em São Paulo.

Nessa sessão fechada para convidados e jornalistas, o longa exibido foi o francês "Os Melhores Anos de Uma Vida", dirigido por Claude Lelouch. O filme é fofo, mas o lance aqui é falar do drive-in.

os melhores anos de uma vida
Imagem: Reprodução

Cinema é mais legal? Óbvio que é.

Mas o drive-in tem suas vantagens. Numa disputa direta com os cinemas —principalmente os de shoppings—, ele ganha disparado na fase inicial: fila rápida pra entrar. É só estacionar o carro e...pronto. O tormento das filas do cinema e a distração das lojas não existe aqui.

SP - INAUGURAÇÃO-CINEMA-DRIVE-IN-MEMORIAL-AMÉRICA-LATINA - GERAL - Inauguração do cinema Drive-in no Memorial da América Latina, na cidade de São Paulo, SP, nesta terça feira, 16. 14/06/2020 - Foto: ALEX FALCãO/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO - Alex Falcão/Estadão Conteúdo - Alex Falcão/Estadão Conteúdo
Imagem: Alex Falcão/Estadão Conteúdo

Tem a vantagem de estar no conforto do seu próprio carro, é claro. Mas se no cinema você se incomoda com o barulho dos outros ou alguém chutando sua cadeira, aqui os problemas serão outros, tipo aquela SUV que estacionou no canto, mas mesmo assim encobre um pouco sua visão do telão. Mas existe uma razão para os drive-ins não existirem mais: é um pouco cansativo e claustrofóbico ficar parado em seu carro.

gif carro tédio
Imagem: Reprodução

E é caro. Mas é seguro.

Sim, cinema também é caro. E rachar talvez não seja um bom negócio. O valor de R$ 65 seria injusto para as duas pessoas do banco de trás (o limite é de quatro) que teriam uma visão quase nula da tela.

E também não há espaço também para querer ser um preciosista da sétima arte. A tela não é enorme como nos cinemas open air e o som do filme é transmitido pelo rádio FM do seu próprio carro. A não ser que você não tenha investido milhares de reais no áudio do seu possante, a experiência em áudio vai ser mediana mesmo.

rádio carro
O som do meu carro é de fábrica mesmo
Imagem: Reprodução

Ao todo serão 27 filmes em 43 sessões até o dia 14 de julho. Na programação estão clássicos como "O Iluminado", "Pulp Fiction" e "Apocalipse Now", mas também alguns sucessos mais modernos como "Kill Bill" e "Mad Max: Estrada da Fúria".

De qualquer maneira, em tempos de quarentena, a experiência é válida para se viver o cinema de um jeito diferente. Ou até voltar a passar raiva do convívio social de novo. Acreditam que um cara ficou buzinando para sair antes dos outros carros? Melhor voltar pro isolamento social.

Serviço
Belas Artes Drive-In
Onde: Memorial da América Latina - Entrada pela Rua Tagipuru s/no. - Portão 2
Quando: a partir de 17 de junho, de terça a domingo
Horários e Classificação indicativa: consulte a programação
Ingressos e combos deverão ser adquiridos antecipadamente através do site do Petra Belas Artes
Valores de Ingresso: R$65,00 para carro com até 4 pessoas
Capacidade: 100 carros

Entretenimento