PUBLICIDADE
Topo

Série de 'The Last of Us' terá diretor de 'Chernobyl' no episódio piloto

The Last of Us - Divulgação/Sony
The Last of Us Imagem: Divulgação/Sony

Do UOL, em São Paulo

08/06/2020 12h07

A série baseada no jogo "The Last of Us" terá Johan Renck, de "Chernobyl", como diretor do episódio piloto. A minissérie comandada por Renck ganhou o Emmy de 2019 e o globo de Ouro de 2020 como a melhor produção da categoria.

Renck confirmou sua participação no piloto da série durante uma entrevista ao site Discussing Film. Ele disse que não pode confirmar se permanecerá na função devido ao pouco tempo da produção.

"É uma série de TV em andamento. Portanto, isso não é algo que poderei levar a esse ponto [participar integralmente], mas sou parte dessa série e dirigirei pelo menos o piloto", disse ele.

O diretor também falou sobre os problemas que pode enfrentar ao assumir o comando de uma produção baseada em um jogo popular como "The Last of Us".

"Você tem um personagem de videogame que é muito lembrado por quem já jogou esse jogo. Mais do que isso, eles sabem exatamente como ele é, como ele fala, como ele age e assim por diante", considerou ele.

Renck também explicou na entrevista como ele e a equipe de produção tentam lidar com esse possível ponto fraco.

"Recebemos ligações semanais, Craig [o produtor] e eu e também Neil Druckmann, que criou o jogo, sobre várias abordagens e como lidar com isso", contou ele. E continuou: "Como lidar com o fato de que um personagem de videogame está muito além de um personagem de livro".

O episódio piloto está previsto para ir ao ar em 2021 no HBO Max, serviço de stream que chega no Brasil no próximo ano. Renck prometeu "uma história muito diferente" das contadas nas demais séries de TV.