PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Netflix faz postagem contra racismo e é apoiada pela Amazon Prime

Protestos após morte de segurança negro nos EUA

Do UOL, em São Paulo

31/05/2020 11h33Atualizada em 31/05/2020 21h15

Apoiada pela concorrente Amazon Prime, a Netflix Brasil fez hoje uma postagem contra o racismo em razão da morte de George Floyd após uma ação policial na segunda-feira (25), em Mineápolis, nos Estados Unidos.

A empresa também lembrou casos ocorridos no Brasil, como o do adolescente João Pedro Mattos Pinto, de 14 anos, morto durante uma operação da Polícia Civil e da Polícia Federal no Complexo do Salgueiro, no Rio de Janeiro, e de João Vitor Gomes da Rocha, de 18 anos, morto durante entrega de cestas básicas na Cidade de Deus.

David Nascimento dos Santos, 23 anos, assassinado depois de ser abordado por policiais militares em São Paulo, também é citado na postagem.

"David, João Pedro, João Vitor, George Floyd e tantos mais. Ficar em silêncio é ser cúmplice, e eu não vou mais me calar. Eu tenho um compromisso e um dever com meus assinantes, funcionários, criadores de conteúdo e talentos negros", disse o perfil da empresa no Twitter.

Mais tarde, a Amazon Prime Brasil citou a publicação da Netflix, dizendo que "ficar em silêncio é ser cúmplice" e que está ao lado da concorrente nesta luta. "Juntos pelo que importa. Somos aliados nessa, @netflixbrasil. #VidasNegrasImportam", escreveu em seu perfil.

Entretenimento