PUBLICIDADE
Topo

Produtor se diz 'desapontado' por cenas de série pararem em site adulto

"Normal People" chega ao Brasil pelo Starzplay - Reprodução/Twitter
'Normal People' chega ao Brasil pelo Starzplay Imagem: Reprodução/Twitter

Do UOL, em São Paulo

21/05/2020 14h03

Produtores da série britânica "Normal People" solicitaram ao site Pornhub a remoção de um vídeo de cerca de 20 minutos de cenas de sexo da série que estava hospedado na plataforma.

O produtor executivo Ed Guiney disse à revista norte-americana Variety que a equipe da série está "muito desapontada" com o fato de trechos da produção terem sido colocados em um site adulto.

"É uma violação de direitos autorais e, mais importante, é profundamente desrespeitoso com os atores envolvidos e com toda equipe criativa", disse.

Também à Variety, Corey Price, vice-presidente do Pornhub, disse que a plataforma respeita "todas as solicitações de direitos autorais e, assim que tomamos conhecimento da existência desses tipos de vídeos em nosso site, eles são removidos".

O vídeo não existe mais no Pornhub mas, segundo a revista, ele ainda continua circulando em outros sites adultos.

Um especialista em direito em ambientes virtuais que preferiu não se identificar disse à Variety que "ficaria surpreso" se cenas íntimas da série não estivessem sendo compartilhadas de forma irregular na internet.

Para acabar com a prática, "você pode tentar derrubar os sites, mas a realidade é que é caro fazer isso - e outro site aparecerá rapidamente em seu lugar", completou o especialista.

Série vem para o Brasil

Os 12 episódios da primeira temporada de "Normal People" devem chegar em breve ao Brasil por meio da plataforma Starzplay. A série é uma adaptação do livro homônimo de Sally Rooney.

A peça conta a história de Marianne (Daisy Edgar-Jonas) e Connell (Paul Mescal), dois adolescentes irlandeses com personalidades distintas - ela, uma garota tímida; ele, um popular jogador - que se apaixonam.

Filmes e séries