PUBLICIDADE
Topo

Lionel Richie acredita que é a hora de trazer 'We Are the World' de volta

Lionel Richie em turnê no Brasil - Lucas Lima /UOL
Lionel Richie em turnê no Brasil Imagem: Lucas Lima /UOL

Do UOL, em São Paulo

23/03/2020 10h49

Em março de 1985, Lionel Richie, Michael Jackson e mais de 40 outros grandes artistas se uniram para cantar "We Are the World" com o objetivo de arrecadar fundos para o combate à fome na África. Hoje, em meio à pandemia do novo coronavírus e ao aniversário de 35 anos da produção, o cantor considera que é a hora de trazer a música de volta.

Em entrevista à People, o cantor disse que, desde o início da pandemia, ele pensa em escrever uma música diferente. "Mas toda vez que tento escrever outra mensagem, escrevo as mesmas palavras", revelou.

Hoje, por causa da recomendação de isolamento, não seria possível produzir a música com tantos artistas gravando juntos em um só lugar, como em "We Are the World". Mas essa ainda é uma ideia na cabeça do cantor.

"Há duas semanas, dissemos que não queríamos fazer [a música] porque não é hora de vender um aniversário. Mas a mensagem é muito clara", completou Lionel.

A campanha "USA for Africa" rendeu cerca de US$ 55 milhões. Só nos Estados Unidos, o single vendeu aproximadamente 7 milhões de cópias.

Música